IndyCar: Simon Pagenaud vence a terceira consecutiva

O francês Simon Pagenaud (Team Penske) venceu neste sábado (14/05), a quinta etapa da temporada, disputada no circuito misto do Indianápolis Motor Speedway. Foi a sétima vitória de Pagenaud na categoria, a terceira consecutiva. O brasileiro Hélio Castroneves completou a dobradinha da Penske. O canadense James Hinchcliffe (Schmidt Peterson Motorsports) foi o terceiro.

Pole-position, Pagenaud dominou a prova liderando 57, das 82 voltas disputadas. O francês só deixou a ponta da prova durante as sessões de pit stop. Muito devido as diferentes estratégias de paradas de vários pilotos que alinharam no final do grid.

Na 63ª volta, Pagenaud fez o seu último pit, para reabastecer e trocar os quatro pneus, em 6s7. Retornando a prova a frente de Castroneves, reassumindo em definitivo a liderança. No final, o líder do campeonato recebeu a bandeirada com 4s4 de vantagem sobre Castroneves. O brasileiro fez uma ótima prova, liderando sete voltas, após sair da 13ª posição.

Hinchcliffe conquistou o seu melhor resultado no ano, com o terceiro lugar.

Depois de ser punido, e cair da terceira para a 24ª posição do grid, o norte-americano Graham Rahal (Rahal Letterman Lanigan Racing) foi o grande destaque da prova. Liderou duas voltas e terminou na quarta posição.

Os norte-americanos Charlie Kimball (Chip Ganassi Racing), que liderou duas voltas, e Conor Daly (Dale Coyne Racing) fecharam os seis primeiros. Daly liderou 14 voltas (46 a 60).

Atual campeão, o neozelandês Scott Dixon (Chip Ganassi Racing) terminou em sétimo. Logo na primeira curva, Dixon foi para a esquerda, deixando o parceiro de equipe, o brasileiro Tony Kanaan sem ter para onde ir. Kanaan desviou para não bater em Dixon, contudo acertou o francês Sébastien Bourdais (KVSH Racing), com os dois carros ficando presos no muro de proteção. Kanaan abandonou na hora, com Bourdais ainda conseguindo levar o carro para os boxes. Retornando a pista, mas abandonando em definitivo após completar 20 voltas.

O colombiano Juan Pablo Montoya (Team Penske) e os norte-americanos Ryan Hunter-Reay e Alexander Rossi, parceiro na Andretti Autosport, completaram os dez primeiros.

A prova teve apenas duas bandeiras amarelas. A primeira com o toque entre Kanaan e Bourdais. E a segunda, na 38ª volta, depois de Bourdais sair da pista e abandonar na sequencia.

Pagenaud lidera o campeonato com 242 pontos, seguido por Dixon com 166. Montoya é o terceiro com 160. Castroneves soma 159 em quarto. Kanaan, com 111, ocupa a sexta posição.

A próxima etapa, a histórica centésima edição das 500 Milhas de Indianápolis, acontece no dia 29 de maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *