Stock: Daniel Serra e Ricardo Zonta vencem em Goiânia


TwitterFacebookWhatsAppGoogle+Pin It

Estreando em novas equipes, Daniel Serra (Eurofarma RC) e Ricardo Zonta (Shell Racing) foram os vencedores da etapa de abertura da temporada, no Autódromo de Goiânia. Serra venceu a primeira prova, e Zonta a segunda.

Prova 1:

Pole-position Serra dominou a primeira prova. O piloto da Eurofarma RC só perdeu a ponta durante a janela para reabastecimento e troca de pneus. Thiago Camilo (Ipiranga Racing) superou Max Wilson (RCM Motorsport) após a parada nos pits, e terminou em segundo. Wilson foi o terceiro.

“Foi uma corrida muito disputada. O Thiago tentou se aproximar fez uma boa corrida. Gosto muito desse autódromo, tem uma estrutura sensacional, tanto na parte de segurança como para o público. Estou muito feliz em conquistar a primeira vitória aqui. Ainda tem muita coisa para acontecer, mas espero estar o ano inteiro na briga por vitórias”, comentou Daniel Serra.

Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) terminou em quarto, seguido por Átila Abreu (Shell Racing) e Galid Osman (Ipiranga Racing).

Cacá Bueno (Cimed Racing), o atual campeão Felipe Fraga (Cimed Racing Team), Cesar Ramos (Blau Motorsport) e Tuka Rocha (RCM Motorsport) completaram os dez primeiros. Rocha garantiu a primeira posição no grid da segunda prova (dez primeiros invertidos).

Logo na primeira volta um múltiplo acidente, iniciado com uma rodada de Marcos Gomes (Cimed Racing), envolveu mais sete pilotos: Júlio Campos (Prati-Donaduzzi Racing), Zonta, Rubens Barrichello Full Time Sports), Allam Khodair (Full Time Sports), Bia Figueiredo (Full Time Academy), Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport) e Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi Racing).

Corrida 1

1) 29 Daniel Serra (Eurofarma RC)
2) 21 Thiago Camilo (Ipiranga Racing) – a 1s291
3) 65 Max Wilson (RCM Motorsport) – a 3s720
4) 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) – a 3s.915
5) 51 Átila Abreu (Shell Racing) – a 17s779
6) 28 Galid Osman (Ipiranga Racing) – a 19s027
7) 0 Cacá Bueno (Cimed Racing) – a 23s370
8) 88 Felipe Fraga (Cimed Racing Team) – a 24s520
9) 30 Cesar Ramos (Blau Motorsport) – a 25s893
10) 25 Tuka Rocha (RCM Motorsport) – a 27s847
11) 70 Diego Nunes (Full Time Bassani) – a 30s336
12) 110 Felipe Lapenna (Cavaleiro Motorsport) – a 31s551
13) 8 Rafael Suzuki (Cavaleiro Motorsport) – a 33s945
14) 117 Guilherme Salas (Vogel Motorsport) – a 36s.01
15) 12 Lucas Foresti (Full Time Academy) – a 36s315
16) 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – a 36s709
17) 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) – a 39s810
18) 73 Sergio Jimenez (Bardahl Hot Car) – a 41s.504
19) 44 Betinho Valério (Full Time Bassani) – a 47s210
20) 9 Guga Lima (Bardahl Hot Car) – a 52s.372
21) 31 Marcio Campos (Blau Motorsport) – a 1 volta
22) 5 Denis Navarro (Cimed Racing Team) – a 1 volta
23) 77 Valdeno Brito (Eisenbahn Racing Team) – a 2 voltas
Não completaram 75% da prova
24) 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports)
25) 10 Ricardo Zonta (Shell Racing)
26) 3 Bia Figueiredo (Full Time Academy)
27) 18 Allam Khodair (Full Time Sports)
28) 1 Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi Racing)
29) 83 Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport)
30) 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing)

Prova 2:

Zonta fez uma incrível prova de recuperação, e venceu a segunda prova. Depois de se envolver no múltiplo acidente da primeira volta, na primeira corrida, o ex-piloto Toyota na F-1 alinhou na 25ª posição.

Sem usar os botões de ultrapassagem, e os pneus na primeira prova, Zonta assumiu a ponta após a para reabastecimento e troca de pneus.  Recebendo a bandeirada com 2s968 de vantagem sobre o parceiro de equipe Átila Abreu. Wilson novamente completou o pódio.

“Impressionante o desempenho do carro. Já estava bom na classificação, acabei me envolvendo no acidente na primeira corrida e não desgastei os pneus e nem usei o botão de ultrapassagem. Foi difícil prever que eu poderia fazer várias ultrapassagens. O meu carro e do Átila estavam iguais, os dados volta a volta são bem parecidos. Isso prova que esse ano estaremos em condições de brigar pela ponta”, comentou Zonta.

Stock: Daniel Serra e Ricardo Zonta vencem em Goiânia

“Esse segundo lugar teve um sabor de vitória. Foi uma excelente corrida, melhor do que imaginávamos, porque é o começo de um trabalho com uma nova equipe. Estivemos sempre competitivos no fim de semana”, declarou Abreu.

Barrichello foi o quarto, seguido por Denis Navarro (Cimed Racing Team) e Serra.  Khodair, Camilo, Bueno e Fraga (que rodou quando liderava a prova), fecharam os dez primeiros.

Serra lidera o campeonato com 40 pontos, um a mais do que Wilson.

Corrida 2

1) 10 Ricardo Zonta (Shell Racing)
2) 51 Átila Abreu (Shell Racing) – a 2s968
3) 65 Max Wilson (RCM Motorsport) – a 5s252
4) 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) – a 7s799
5) 5 Denis Navarro (Cimed Racing Team) – a 11s042
6) 29 Daniel Serra (Eurofarma RC) – a 14s838
7) 18 Allam Khodair (Full Time Sports) – a 15s227
8) 21 Thiago Camilo (Ipiranga Racing) – a 18s953
9) 0 Cacá Bueno (Cimed Racing) – a 21s877
10) 88 Felipe Fraga (Cimed Racing Team) – a 23s497
11) 77 Valdeno Brito (Eisenbahn Racing Team) – a 23s786
12) 8 Rafael Suzuki (Cavaleiro Motorsport) – a 24s828
13) 1 Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi Racing) – a 24s846
14) 70 Diego Nunes (Full Time Bassani) – a 25s886
15) 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – a 26s388
16) 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) – a 32s357
17) 90 Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) – a 35s491
18) 25 Tuka Rocha (RCM Motorsport) a 35s736
19) 12 Lucas Foresti (Full Time Academy) – a 44s578
20) 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) a 1 volta.
21) 44 Betinho Valério (Full Time Bassani) – a 2 voltas.
22) 83 Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport) a 4 voltas
Não completaram 75% da prova
23) 28 Galid Osman (Ipiranga Racing)
24) 73 Sergio Jimenez (Bardahl Hot Car)
25) 110 Felipe Lapenna (Cavaleiro Motorsport)
26) 31 Marcio Campos (Blau Motorsport)
27) 3 Bia Figueiredo (Full Time Academy)
28) 30 Cesar Ramos (Blau Motorsport)
29) 9 Guga Lima (Bardahl Hot Car)
30) 117 Guilherme Salas (Vogel Motorsport)

Classificação do campeonato:
1. Daniel Serra – 40 pontos
2. Max Wilson – 39
3. Átila Abreu – 37
4. Thiago Camilo – 33
5. Ricardo Maurício – 21
6. Cacá Bueno – 21
7. Ricardo Zonta – 20
8. Felipe Fraga – 18
9. Galid Osman – 17
10. Rubens Barrichello – 14
11. Cesar Ramos – 12
12. Diego Nunes – 12
13. Rafael Suzuki – 12
14. Denis Navarro – 12
15. Tuka Rocha – 11
16. Felipe Lapenna – 9
17. Allam Khodair – 8
18. Guilherme Salas – 7
19. Lucas Foresti – 6
20. Vitor Genz – 6
21. Marcos Gomes – 4
22. Sergio Jimenez – 3
23. Antonio Pizzonia – 3
24. Betinho Valério – 2
25. Guga Lima – 1
26. Marcio Campos – 0
27. Valdeno Brito – 0
28. Bia Figueiredo – 0
29. Gabriel Casagrande – 0
30. Julio Campos – 0

Compartilhar
TwitterFacebookWhatsAppGoogle+Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *