24 Horas de Nurbürgring: Jörg Muller/Augusto Farfus/Uwe Alzen/ Pedro Lamy vencem a 38ª edição

O quarteto Jörg Muller/Augusto Farfus/Uwe Alzen/ Pedro Lamy venceu neste domingo (16/05), a 38ª edição das 24 Horas de Nurbürgring, na Alemanha. O quarteto guiou um BMW M3 E92 da BMW Motorsport.

Com a bandeira verde agitada o Porsche GT3 R número um da Manthey Racing, com o quarteto Marc Lieb/ Timo Bernhard/ Romain Dumas/ Marcel Tielman, que venceu as três últimas edições da prova, passou da 7ª posição do grid para a liderança em poucas curvas.

Na primeira hora de prova o BMW M3 do quarteto Dirk Werner/Dirk Muller/Andy Priaulx/Dirk Adorf, sofreu um violento acidente, mas voltando a prova depois de um longo tempo nos boxes, caindo para a 182ª posição, entre 197 carros.

O quarteto abriu quatro minutos de vantagem na ponta, quando na 7ª hora de disputa Lieb perdeu o controle do carro, batendo na barreira de proteção. Quase na mesma volta o Audi R8 LMS que largou na pole-position, com o quarteto Mattias Ekstrom/Oliver Jarvis/ Timo Scheider/ Marco Werner sofria um acidente na curva Pfanzgarten. Pouco antes outro Audi R8 LMS, do quarteto Marc Basseng/ Mike Rockenfeller/Frank Stippler/Hans-Joachim Stuck, já havia abandonado, com problemas no motor.

As esperanças de vitória da Audi, que havia dominado o treino classificatório, acabaram quando os outros dois R8 abandonaram. O quarteto Frank Biela / Marcel Fässler / Pierre Kaffer / Marc Hennerici, deixou a prova no meio da noite, com problemas de câmbio, com o quarteto Christian Abt / Emmanuel Collard / Lucas Luhr / Christopher Mies, desistindo com problemas de transmissão na 20ª hora.

O Porsche GT3 R Híbrido do quarteto Jörg Bergmeister/ Richard Lietz/ Marco Holzer/ Martin Ragginger, mesmo depois de ter um pneu furado e mais tarde uma punição de um minuto nos boxes, liderava a prova, com duas voltas de vantagem, caminhando para a 5ª vitória consecutiva da Manthey Racing.

Porém na 21ª hora um problema técnico no Porsche permitiu a aproximação do BMW M3 E92 de Muller/ Farfus/ Alzen/ Lamy, que entrou na mesma volta do líder, depois de terem um radiador furado na madrugada e perderem vinte minutos. No começo da 23ª volta o Porsche parou na curva Adenau, com o motor estourado, deixando o BMW na liderança.  

Muller/ Farfus/ Alzen/ Lamy venceram, após 154 voltas no circuito de 25.378 km, com 3m54s1 de vantagem sobre a Ferrari F430 do quarteto Dominik Farnbacher/Allan Simonsen/ Keen Lehman/ Marco Seefried. O Audi R8 LMS do quarteto Dennis Rostek/Lucas Ludwig/ Marc Bronzel/ Marcus Winkelhock, terminou em 3º.

O BMW Z4 do quarteto Marco Hartung/ Patrick Söderlung/ Edward Sandström/ Martin Öhlin, chegou em 4º, seguido pelo Audi R8 LMS de Christer Jöns/ Sean Paul Breslin/ Johannes Stuck/ Keneth Heyer e o Porsche GT3 Cup S do quarteto Jürg Alzen/ Dominik Schwager/ Tomas Jager/Sascha Bert. Werner/ Muller/ Priaulx/Adorf, em uma grande recuperação, finalizaram em 7º lugar.

Com a vitória Lamy empatou com Tiemann, cada um com cinco vitórias na tradicional prova. A BMW não vencia a prova desde 2005.

Farfus se tornou o segundo brasileiro a vencer às 24 Horas de Nurbürgring. Farfus se tornou o segundo brasileiro a vencer às 24 Horas de Nurburgring. Antonio Hermann, usando o pseudônimo de “Tonico de Azevedo” venceu a edição de 1993, em quarteto com Franz Konrad, Örnulf Wirdheim e Frank Katthöfer, num Porsche 911 Carrera.

O autódromo recebeu um público de 220 mil pessoas. 

Final:

1.   BMW Schnitzer | BMW M3 GT2 #25 | 142 voltas
2.   Hankook-Farnbacher | Ferrari F430 GT2 #43 | a 3:54.111
3.   Phoenix Racing | Audi R8 LMS #97 | a 1 voltas
4.   Schubert | BMW Z4 #76 | a 2 voltas
5.   Black Falcon | Audi R8 LMS #102 | a 2 voltas
6.   H&R Spezialfedern | Porsche GT3 Cup #20 | a 3 voltas
7.   BMW Schnitzer | BMW M3 GT2 #26 | a 4 voltas
8.   Team Rowe | Porsche GT3 Cup #18 | a 4 voltas
9.   Dörr Motorsport | BMW Z4 #69 | a 5 voltas
10.   Offenbach | Porsche GT3 Cup #35 | a 6 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *