24h de Le Mans: Jaime Melo identifica situações inéditas em 2011

Com Ferrari 458, Jaime Melo tem experiência inédita nas 24h de Le Mans

Defendendo nova equipe, brasileiro busca terceira vitória na prova sem ter feito simulação de corrida com novo carro

O início da preparação em pista para as 24 Horas de Le Mans, com os treinos livres disputados nesta quarta-feira (8), submeteu Jaime Melo a mais uma situação inédita na carreira. Em sua primeira participação pela Luxury Racing, já que defende regularmente a norte-americana Risi Competizione e a italiana AF Corse, o brasileiro vê sua busca por resultados na 79ª edição da corrida francesa cercada de novos desafios.

“O panorama é novo por todos os lados”, observa Melo. “Primeiro, é uma equipe diferente. A parte boa é que não existe uma necessidade de ambientação 100%, porque mecânicos e engenheiros são da Risi, os mesmos que trabalham comigo desde que fui para lá em 2007. Existe um suporte da Risi”, explana. “E a Luxury Racing é uma equipe de qualidade. Se não fosse assim, não teria o aval da Ferrari”, acrescenta o brasileiro.

A inexistência de um histórico do carro em provas de 24 horas também se apresenta como fator inédito. “Nos outros anos, a gente tinha o histórico do carro em teste e em corridas anteriores”, lembra, acerca do modelo F430, que a Ferrari aposentou ao fim do ano passado para lançar também nas competições o modelo F458 Italia – que responde por seis dos 18 carros inscritos na classe GTE Pro das 24 Horas de Le Mans de 2011.

“Nós viemos para cá sem ter esse histórico da F458, não conseguimos ainda uma simulação de andar 24 horas testando o carro”, admite Melo, envolvido diretamente com o desenvolvimento do modelo desde os primeiros testes – ele é piloto contratado pela Ferrari para experiências como essa. “Nós temos períodos de 12 horas de simulação. Mas existe um clima de segurança, de confiança pela qualidade da equipe”, manifesta.

Jaime Melo venceu a classe GTE da prova em Le Mans em 2007 e 2009. Neste ano seus parceiros são o francês Frédéric Makowiecki e o monegasco Stéphane Ortelli. Na primeira sessão de treinos livres o trio ficou em nono lugar. O grid será definido em três treinos oficiais de duas horas – um deles ainda nesta quarta, das 17h às 19h de Brasília, e os outros dois na quinta (9), a partir das 14h e das 17h. A largada, no sábado, será dada às 10h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *