600 Hornet: Danilo Lewis é o vencedor em São Paulo

Diego Faustino, o mais rápido na 2ª bateria, é desclassificado e Danilo Lewis conquista a etapa

O Autódromo de Interlagos, em São Paulo, foi palco do Racing Festival, neste fim de semana (21 e 22). E o público que compareceu ao evento teve a oportunidade de assistir às disputas na categoria 600 Hornet. Diego Faustino e Danilo Lewis, que protagonizaram duelos emocionantes desde o primeiro dia de atividades, foram os grandes destaques. Na primeira bateria, Lewis foi o mais rápido, seguido por Faustino. Já na segunda corrida, Faustino chegou em primeiro e Lewis, em segundo. Após vistoria técnica, Diego Faustino foi desclassificado e Danilo Lewis venceu a etapa paulista.

Primeira bateria
Danilo Lewis, de apenas 17 anos, conquistou na primeira bateria da 600 Hornet, a primeira vitória na categoria. O jovem paulista abriu vantagem ainda nas primeiras voltas e assumiu de vez a liderança na curva laranjinha. Diego Faustino, que largou em primeiro, foi o segundo mais rápido. O terceiro lugar ficou com o experiente Luiz Cerciari. O líder do campeonato, Maico Teixeira, terminou na quarta colocação.

Segunda bateria
A disputa pelo título na segunda bateria da categoria 600 Hornet foi ainda mais emocionante. Diego Faustino, que foi o mais rápido nos quatro treinos livres e também no classificatório, foi o primeiro colocado, seguido por Danilo Lewis e Rafael Paschoalin. Após a vistoria técnica, porém, reviravolta nos resultados. Diego Faustino e Rafael Paschoalin foram desclassificados por irregularidade técnica.

Com a penalização de Faustino, Danilo Lewis, o segundo mais rápido, faturou o primeiro lugar na bateria. O paulista, que agora assume a vice-liderança no campeonato, comemorou o bom desempenho na etapa. “Na primeira bateria fui super bem com pneu novo, mas na segunda dei umas escorregadas e preferi manter o segundo lugar. Pensei no campeonato. Agora é continuar correndo com dedicação e treinar cada vez mais”, disse Danilo Lewis.

Atual líder do campeonato, Maico Teixeira cruzou a linha de chegada em quarto e com as alterações herdou o segundo lugar da bateria. Com o resultado, o piloto gaúcho permanece da liderança da competição, com 107 pontos, 14 a mais que o segundo colocado, Danilo Lewis.

A próxima etapa está marcada para os dias 25 a 26 de setembro, em Curitiba (PR).

RESULTADOS

1ª bateria 600 Hornet

1 – DANILO LEWIS – 25:36.206
2 – DIEGO FAUSTINO – 25:43.261
3 – LUIZ CERCIARI – 25:51.442
4 – MAICO TEIXEIRA – 25:51.505
5 – DEVANIR LIPPI – 25:54.029
6 – CIDALGO CHINASSO – 25:59.885
7 – RAFAEL PASCHOALIN – 26:00.678
8 – GIAN CALABRESE – 26:00.869
9 – MARCO BRUNHEROTO – 26:02.573
10 – RICIERI LUVIZOTTO – 26:15:316
11 – MAURO THOMASSINI – 26:26.072
12 – JOSÉ TEIXEIRA – 26:34.440
13 – RUAN BURDINO – 26:48.928
14 – OTÁVIO LUCCHINI – 26:58.008
15 – RICARDO LEVY – 26:58.097
16 – EDUARDO ZAMPIERI – 27:06.675
17 – VICTOR MOURA – 27:23.571
18 – ALAN DOS SANTOS – 27:34.069
19 – PATRÍCIO MADURO – Diff: 1 volta
20 – RODRIGO RAMATIS – Diff: 1 volta
21 – ADALBERTO DE OLIVEIRA – Diff: 1 volta
22 – HELDER SHAD – Diff: 2 voltas

Não Classificado: Diego Pretel
Melhor volta: Luiz Cerciari – 1:48.391

2ª bateria 600 Hornet

1 – DANILO LEWIS – 25:49.415
2 – MAICO TEIXEIRA – 26:10.732
3 – MARCO BUNHEROTO – 26:10.751
4 – DEVANIR LIPPI – 26:10.775
5 – CIDALGO CHINASSO – 26:11.573
6 – GIAN CALABRESE – 26:20.272
7 – LUIZ CERCIARI – 26:24.600
8 – OTÁVIO LUCCHINI – 26:34.740
9 – JOSÉ TEIXEIRA – 26:34.973
10 – RICARDO LEVY – 27:10.019
11 – VICTOR MOURA – 27:13.404
12 – EDUARDO ZAMPIERI – 27:25.758
13 – RUAN BURDINO – 27:30.022
14 – HELDER SHAD – 27:36.458
15 – ADALBERTO DE OLIVEIRA – Diff: 1 volta
16 – RODRIGO RAMATIS – Diff: 1 volta

Não classificados: Alan dos Santos, Mauro Thomassini, Ricieri Luvizotto, Diego Pretel, Patrício Maduro, Diego Faustino, Rafael Paschoalin.
Melhor volta: Danilo Lewis – 1:49.055

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *