A1GP: Pilotos não passam pelo hairpin e treino é cancelado

Os treinos desta sexta-feira (10/10) da A1GP em Pequim foram cancelados porque os pilotos não conseguiam contornar o hairpin, grampo em português, do circuito chinês. Logo no primeiro treino começou a confusão.


O alemão Niko Hulkenberg foi o primeiro a ir à pista. Assim que chegou ao hairpin freou demais e quase bateu no muro. Os carros que vinham atrás acabaram parando formando uma fila. Logo depois a bandeira vermelha foi acionada.

Os carros, numa confusão danada, saíram do engavetamento e voltaram para os boxes. Foram feitas duas novas tentativas, acontecendo o mesmo problema, ou seja, os pilotos não conseguiram contornar o hairpin. Ai a direção da categoria decidiu encerrar o treino.

Charles Whiting, delegado técnico da FIA, vistoriou a pista na manhã de hoje. E não tem como o traçado ser modificado. A direção então decidiu encurtar o circuito de rua. O grampo continua, mas a longa reta que levava a ele foi cortada.

O treino da sábado (11/10), terá noventa minutos de duração, trinta a mais, para que os piloto se acostumem com o traçado.

Quem irá disputar a prova pela equipe brasileira será Raphael Matos, substituindo Christiano “Tuka” Rocha, que disputou as duas primeiras etapas da temporada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *