ALMS: Audi vence 12 horas de Sebring com novo carro

O trio Rinaldo Capello/Tom Kristensen/Allan McNish, num Audi R15 TDI da Audi Sport Team Joest da classe LM P1, venceu a 57ª edição das 12 Horas de Sebring, etapa de abertura da American Le Mans. Com o novo R15 o trio venceu depois de uma intensa batalha com o Peugeot 908 HDI FAP do trio Stephane Sarrazin/Franck Montagny/Sebastien Bourdais.

O escocês McNish cruzou a linha de chegada, depois de 383 voltas, com 22s279 de vantagem sobre o francês Franck Montagny. Os dois carros movidos a diesel fizeram uma épica batalha pela vitória na tradicional prova norte-americana, com os dois protótipos permanecendo na mesma volta durante todas às 12 horas de corrida.

O ex-piloto da Toyota na F-1 assumiu a liderança da prova faltando 42 minutos para o termino, quando Montagny fez o seu último pit stop. O escocês passou a fazer voltas rápidas, construindo uma vantagem suficiente para entrar nos pits, faltando 14 minutos para o fim, e volta à frente de Montagny.

Os dois Audi e os dois Peugeot trocaram de liderança durante a prova 23 vezes. Apesar do aparente domínio, os dois primeiros colocados passaram por momentos complicados na corrida. O Audi de Capello/ Kristensen/ McNish rodou e depois perdeu um minuto em um pit stop. Sarrazin/ Montagny/ Bourdais sofreram com um pneu furado próximo da 9ª hora de prova. O trio, devido ao tempo perdido, teve que alterar a estratégia para o restante da corrida.

O segundo Audi, com o trio Lucas Luhr/Mike Rockenfeller/Marco Werner, completou o pódio.

O Acura ARX 01B, da Lowe’s Fernandez Racing, com a dupla Adrian Fernandez/Luis Diaz, chegou em 4º, faturando a vitória na classe LM P2. O trio Nicolas Minassian/Pedro Lamy/Christian Klien, com o segundo Peugeot, foi 5º colocado.

O trio Jan Magnussen/Johnny O’Connell/Antonio Garcia, num Chevrolet Corvette C6-R da Corvette Racing, completou os seis primeiros, sendo os vencedores na classe GT1.

A Risi Competizione venceu pela segunda vez, em três anos, na classe GT2, e de uma foram muito mais fácil do que em 2007, quando venceu por apenas 0s202. Mika Salo recebeu a bandeirada com duas voltas de vantagem sobre o segundo colocado na classe.

A Ferrari F430 GT2 teve que largar em último devido a problemas com o brasileiro Jaime Melo, que não conseguiu participar de nenhum treino a noite (ele chegou atrasado por problemas no visto de entrada nos EUA), e se a equipe mantivesse a posição de largada, quarto na classe, Melo não iria poder pilotar o carro à noite.

Mas logo na segunda hora de prova o trio, completado por Pierre Kaffer, assumiu a liderança na classe.

O brasileiro Gil de Ferran, que largou na pole-position com o novo Acura ARX-02a da de Ferran Motorsports, abandonou na 8º hora de prova, com problemas de suspensão e de vazamento de combustível. Simon Pagenaud e Scott Dixon (que marcou a pole) foram os parceiros de Gil na prova.

O estreante brasileiro Lucas Molo fez trio com Lou Giglioti e Eric Curan, num Chevrolet Rilley Corvette C6 da LG Motorsports. Com quatro horas de prova o trio abandonou, com problemas mecânicos no Corvette.

A segunda etapa da temporada, acontece no circuito de rua de São Petersburgo, nos EUA, no dia 04 de abril.

Final:

1º) Rinaldo Capello/Tom Kristensen/Allan McNish (ITA/DIN/ESC), 12h00min38s638
Audi Sport Team Joest, Audi R15 TDI, classe LM P1
 
2º) Stephane Sarrazin/Franck Montagny/Sebastien Bourdais (FRA/FRA/FRA), a 22s279
Team Peugeot Total, Peugeot 908 HDI FAP, classe LM P1
 
3º) Lucas Luhr/Mike Rockenfeller/Marco Werner (ALE/ALE/SUI), a 2 voltas
Audi Sport North America, Audi R15 TDI, classe LM P1
 
4º) Adrian Fernandez/Luis Diaz (MEX/MEX), a 23 voltas
Lowe’s Fernandez Racing, Acura ARX 01B, classe LMP2
 
5º) Nicolas Minassian/Pedro Lamy/Christian Klien (FRA/POR/AUT), a 27 voltas
Team Peugeot Total, Peugeot 908 HDI FAP, classe LM P1
 
6º) Jan Magnussen/Johnny O’Connell/Antonio Garcia (DIN/EUA/ESP), a 34 voltas
Corvette Racing, Chevrolet Corvette C6-R, classe GT1
 
7º) Olivier Beretta/Oliver Gavin/Marcel Fassler (MON/ING/SUI), a 35 voltas
Corvette Racing, Chevrolet Corvette C6-R, classe GT1
 
8º) Jaime Melo/Mika Salo/Pierre Kaffer (BRA/FIN/ALE), a 51 voltas
Risi Competizione, Ferrari F430 GT, classe GT2
 
9º) Luis Companc/Matias Russo/Gianmaria Bruni (ARG/ARG/ITA), a 53 voltas
Advanced Engineering Pecom Racing Team, Ferrari 430 GT, classe GT2
 
10º) Dominik Farnbacher/Ian James (ALE/EUA), a 54 voltas
Panoz Team PTG, Panoz Esperante GTLM-Ford, classe GT2
 
11º) Jörg Bergmeister/Patrick Long/Marc Lieb (ALE/EUA/ALE), a 57 voltas
Flying Lizard Motorsports, Porsche 911 GT3 RSR, classe GT2
 
12º) Darren Law/Seth Neiman/Johannes van Overbeek (EUA/EUA/EUA), a 57 voltas
Flying Lizard Motorsports, Porsche 911 GT3 RSR, classe GT2
 
13º) Tracy Krohn/Nic Jonsson/Eric van de Poele (EUA/EUA/BEL), a 58 voltas
Risi Competizione, Ferrari F430 GT, classe GT2
 
14º) David Robertson/Andrea Robertson/David Murry (EUA/EUA/EUA), a 80 voltas
Robertson Racing, Doran Designs-Ford, classe GT2
 
15º) David Brabham/Scott Sharp/Dario Franchitti (ING/EUA/ESC), a 81 voltas
Patrón Highcroft Racing, Acura ARX-02a, classe LM P1
 
16º) Wolf Henzler/Dirk Werner/Richard Lietz (ALE/ALE/AUT), a 109 voltas
Farnbacher Loles Racing, Porsche 911 GT3 RSR, classe GT2
 
17º) Joel Feinberg/Chris Hall/Ritchie Holt (EUA/EUA/EUA), a 132 voltas
Primetime Race Group, Dodge Viper Competition, classe GT2
 
18º) Gil de Ferran/Simon Pagenaud/Scott Dixon (BRA/FRA/NZL), a 137 voltas
de Ferran Motorsports, Acura ARX-02a, classe LMP1
 
19º) Paul Drayson/Jonny Cocker/Robert Bell (ING/ING/ING), a 179 voltas
Drayson Racing, Aston Martin Vantage GT2, classe GT2
 
20º) Bryan Willman/Chris McMurry/Tony Burgess (EUA/EUA/CAN), a 232 voltas
Autocon Motosports, Lola B06/10, classe LMP1
 
21º) Butch Leitzinger/Marino Franchitti/Ben Devlin (EUA/ESC/ING), a 234 voltas
Dyson Racing Team, Lola B08 86-Mazda, classe LMP2
 
22º) Dirk Mueller/Tommy Milner (MON/EUA), a 243 voltas
BMW Rahal-Letterman Racing Team, BMW E92 MW, classe GT2
 
23º) Chris Dyson/Guy Smith/Andy Lally (EUA/EUA/EUA), a 256 voltas
Dyson Racing Team, Lola B08 86-Mazda, classe LMP2
 
24º) Lucas Molo/Lou Giglioti/Eric Curan (BRA/EUA/EUA), a 294 voltas
LG Motorsports, Chevrolet Rilley Corvette C6, classe GT2
 
25º) Jon Field/Clint Field/Chapman Ducote (EUA/EUA/EUA), a 306 voltas
Intersport Racing, Lola B06-10, classe LMP1
 
26º) Joey Hand/Bill Auberlen (EUA/EUA), a 356 voltas
BMW Rahal-Letterman Racing Team, BMW E92 MW, classe GT2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *