Animado com as novidades, Augusto Farfus abre sua sétima temporada no DTM em Hockenheim

A espera acabou e Augusto Farfus volta a acelerar sua BMW M4 DTM #15 neste fim de semana (4 a 6 de maio), na etapa de abertura do campeonato 2018. Único brasileiro no grid, o piloto da BMW inicia sua sétima temporada consecutiva na principal categoria de carros de turismo do mundo, confiante em voltar a brigar pelas primeiras posições em um ano “crucial” para o DTM, com várias novidades.

A começar pelos carros, que tiveram uma importante alteração no regulamento técnico, especialmente em relação à aerodinâmica. Com menos downforce, o trabalho dos pilotos será ainda mais relevante, e a expectativa é de disputas mais equilibradas e acirradas entre todas as montadoras.

Em questão do calendário, a temporada do DTM aumentou de nove para 10 rodadas duplas, num total de 20 corridas no ano. A categoria terá metade de suas etapas fora da Alemanha, passando por outros cinco países. Um dos grandes destaques é a primeira prova noturna da história do DTM, que acontecerá em Misano, na Itália, em agosto. Os pilotos também voltarão a correr em Brands Hatch, na Inglaterra, além de provas na Hungria (Budapeste), Holanda (Zandvoort) e Áustria (Red Bull Ring). Na Alemanha, as etapas de abertura e encerramento do campeonato acontecem tradicionalmente em Hockenheim, e os circuitos de Lausitzring, Norisring e Nürburgring também sediam as disputas de 2018.

Apesar de terem feito poucos testes em pista com o carro nessas novas configurações, Augusto se mostrou animado com o desempenho nos treinos e com boas expectativas de começar o ano em alta. Ciente de que o aprendizado e evolução com o carro virão ao longo das etapas, o objetivo é conseguir uma rápida adaptação ao novo regulamento, para buscar bons resultados desde a primeira etapa.

Em Hockenheim, as atividades de pista começam na sexta-feira, com um treino livre. No sábado, acontece mais uma sessão de treinos, a classificação 1 e a primeira corrida do ano. Já no domingo, a programação se repete, com treinos, a tomada de tempos para definição do grid e a corrida 2. O canal Bandsports transmite as duas provas ao vivo, no sábado e no domingo, ambas a partir das 8h30.

Augusto Farfus:

“Estou muito animado para começar minha sétima temporada no DTM, e creio que será um ano crucial para a categoria. Primeiro, porque os carros sofreram grandes modificações, estão ainda mais próximos e tivemos poucos treinos. As equipes tiveram um tempo muito limitado de pista para toda essa parte nova de desenvolvimento do carro, então vamos todos para Hockenheim na mesma situação, o que vai deixar a etapa de abertura e a temporada como um todo extremamente emocionantes, pois vamos estar aprendendo com o carro prova após prova. Também será uma temporada crucial por sabermos que grandes mudanças estão por vir, o novo regulamento será anunciado, também há a questão de uma possível parceria com o Super GT Japonês… O DTM vai realmente ter que unir forças e mostrar como será seu futuro, já que tem a possível saída da Mercedes no fim do ano. Vemos que há um esforço muito grande da organização, com a criação da prova noturna em Misano, além de várias outras atitudes. No geral, gostei bastante do novo carro, ele se comportou bem nos treinos, e agora a expectativa é de começar um bom ano com o pé direito”.

Direto para Le Mans no WEC:

Escalado para os dois principais programas da BMW Motorsport em 2018, Farfus não poderá participar da etapa de abertura do WEC (World Endurance Championship) neste fim de semana, em Spa-Francorchamps. Na prova de 6 horas de duração, o brasileiro será coberto por Tom Blomqvist, que correrá ao lado do português António Félix da Costa na nova BMW M8 GTE #82.

“Vou perder a etapa de Spa, o início do WEC, o que é uma pena muito grande, não ter as possibilidades de disputar as duas categorias. Mas tenho certeza que teremos um bom começo por lá também, e estarei pronto para fazer minha primeira prova no WEC direto nas 24 Horas de Le Mans, após um mês de maio bem cheio, com as disputas em Hockenheim e Lausitizring pelo DTM, e também das 24 Horas de Nurburgring”.

Confira a programação do DTM em Hockenheim (horários de Brasília):

Sexta-feira, 04 de maio:
10:45 às 11:15 – Treino livre 1

Sábado, 05 de maio:
4:00 às 4:30 – Treino livre 2
6:25 às 6:45 – Classificação 1
8:30 – Corrida 1

Domingo, 06 de maio:
4:00 às 4:30 – Treino livre 3
6:25 às 6:45 – Classificação 2
8:30 – Corrida 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *