Campeonato Brasileiro de Turismo: Marcio Campos vence em Goiânia

Márcio Campos venceu a corrida do Campeonato Brasileiro de Turismo deste sábado (31/5), no Autódromo de Goiânia. O piloto completou dezessete voltas em 27min24s882. O segundo lugar ficou com Raphael Abbate e o terceiro com Edson Coelho.

Todos os treinos disputados em Goiânia foram dominados pelo mato-grossense João Pretto. Na corrida, Pretto largou na pole e liderou até a 10a volta, quando enfrentou problemas de câmbio. Campos se aproveitou e assumiu a ponta.

“Tenho que agradecer a equipe, por ter feito um grande trabalho durante todo o final de semana. Larguei por dentro e consegui ganhar a posição do Abbate na largada. Tentei pressionar o Pretto, mas o carro dele estava bem rápido. Ele acabou tendo o problema e eu assumi a liderança, mas o Abbate estava sempre perto”, comentou o vencedor.

“Foi uma corrida excelente. Infelizmente eu larguei por fora e como a pista é nova ela ainda é muito suja e dificulta as ultrapassagens. Mas estou muito feliz. Estamos lutando pelo campeonato e amanhã tem mais”, afirmou o segundo colocado Raphael Abbate.

Ainda na primeira volta uma grande confusão interrompeu a prova com bandeira amarela e provocou a entrada do safety car. O líder do campeonato, Guilherme Salas, foi um dos envolvidos na batida. “Eu não consegui vir para a parte de dentro da primeira curva, e isso me prejudicou muito. Conseguiria vir para a frente, mas em uma ultrapassagem o piloto não me viu e nos tocamos, e aí aconteceu todo o acidente que me tirou da prova”, explicou Salas.

Com a quinta posição na prova deste sábado, Pedro Boesel agora soma o mesmo número de pontos que Salas. “A corrida foi de sobrevivência. Sabia que a largada era fundamental e felizmente consegui largar bem e ganhar duas posições”, disse Boesel.

Resultado da corrida deste sábado (31/5) do Campeonato Brasileiro de Turismo em Goiânia:

1. Marcio Campos – 17 voltas em 27min24s882

2. Raphael Abbate – a 0.722

3. Edson Coelho – a 3.408

4. Marco Cozzi – a 5.371

5. Pedro Boesel – a 1 volta

6. Christian Castro – a 1 volta

7. Pedro Saderi – a 1 volta

8. Mauri Zacarelli – a 1 volta

9. Adibe Marques – a 1 volta

10. Rogério Castro – a 1 volta

11. Renato Braga – a 2 voltas

12. Tito Morestoni – a 2 voltas

13. Giuseppe Vecchi – a 6 voltas

14. João Pretto – a 7 voltas

15. Fernando Fortes – a 9 voltas

16. Renato Constantino – a 10 voltas

17. Betinho Gresse – a 13 voltas

18. Guilherme Salas – a 16 voltas

19. Flavio Matheus    –

20. Rodrigo Pimenta –   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *