ChampCar: Bourdais vence mais uma. Junqueira chega em 2º.

O francês Sébastien Bourdais, da Newman-Haas-Lanigan, venceu neste domingo (26/08), o GP da Bélgica, em Zolder, 11º etapa da temporada. Foi a 6º vitória do tri-campeão no ano. O brasileiro Bruno Junqueira, da Dale-Coyne, conquistou um ótimo resultado, ao chegar em 2º lugar. O norte-americano Grahan Rahal, da Newman-Haas-Lanigan, fechou o pódio.

Na largada Bourdais, saindo na pole-position, manteve a ponta seguido pelo holandês Robert Doornbos, do Minardi Team USA e do australiano Will Power, do Team Australia, seus rivais na luta pelo titulo.


Na primeira rodada de pit stops, na 16º volta, devido a uma bandeira amarela, as primeiras posições não se alteraram. Junqueira, porém teve problemas nos pits, e caiu de 5º para 15º lugar.


Com uma nova amarela, na 26º volta, quando o norte-americano Alex Figge, da Pacific Coast, ficou preso na brita, Junqueira aproveitou e fez outra parada nos boxes, assim como outros pilotos.


Doornbos entrou pela segunda vez nos boxes na 40º volta, perdendo duas posições na saída.  Na seguinte foi a vez de Bourdais. Rahal, em outra seqüência de paradas, assumiu a liderança.


O mexicano Mario Dominguez, que está se especializando em substituir pilotos por uma prova, provocou uma amarela, assim que Bourdais voltou à ponta da prova, na 49º volta. Dominguez disputou a prova pelo Minardi Team USA, no lugar do inglês Dan Clarke, suspenso pela direção da categoria.


 Os ponteiros pararam novamente nos boxes, com o francês Simon Pagenaud, do Team Australia, assumindo a liderança. A prova recomeçou na 52º volta, com Pagenaud na frente. Ele liderou até entrar nos boxes, na 63º volta, com seu compatriota, que está rumo ao tetra, vencendo mais uma vez. Boudais chegou maisde13 segundos a frente de Junqueira.


Bourdais abriu vantagem na liderança do campeonato, com 283 pontos. O vice-líder, Doornbos, soma 231, dez a mais do que o 3º, Power.


A próxima etapa acontece no dia 02 de setembro, em Assen, na Holanda.


Final:


1 – Sebastien Bourdais FRA Newman/Haas/Lanigan 1h45min21seg997
2 – Bruno Junqueira BRA Dale Coyne a 13seg655
3 – Graham Rahal EUA Newman/Haas/Lanigan a 14seg458
4 – Will Power AUS Team Australia a 15seg147
5 – Justin Wilson ING Rsports a 15seg972
6 – Oriol Servia ESP Forsythe a 17seg150
7 – Robert Doornbos HOL Minardi Team USA a 18seg369
8 – Neel Jani SUI PKV Racing a 19seg073
9 – Alex Tagliani CAN Rsports a 23seg834
10 – Paul Tracy CAN Forsythe a 24seg501
11 – Katherine Legge ING Dale Coyne a 28seg483
12 – Simon Pagenaud FRA Team Australia a 33seg188
13 – Jan Heylen BEL Conquest a 1min12seg098
14 – Alex Figge EUA Pacific Coast a 1 volta
15 – Ryan Dalziel ING Pacific Coast a 4 voltas



Campeonato:


1) Bourdais (FRA/Newman-Haas-Lanigan), 283 pontos;
2) Doornbos (HOL/Minardi Team USA), 231;
 3) Power (AUS/Team Australia), 221;
4) Wilson (ING/Rsports), 211;
5) Rahal (EUA/ Newman-Haas-Lanigan), 196;
6) Servia (ESP/Forsythe), 189;
7) Jani (SUI/PKV Racing), 182;
8) Tagliani (CAN/Rsports), 174;
9) Pagenaud (FRA/Team Australia), 173;
10) Junqueira (BRA/Dale Coyne), 165


*** Todos os pilotos com chassis Panoz e motores Cosworth V8

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *