Copa Clio: Bragantini vence mais uma, mas Cardoso conquista o vice

Em mais uma prova perfeita, André Bragantini Jr. vence em Interlgos, porém não consegue roubar o vice-campeonato de Wagner Cardoso.


Para coroar o final de semana perfeito de André Bragantini Jr, o piloto do Clio n.º 19 largou na pole e venceu a segunda em São Paulo, válido pela 10ª Etapa da Copa Clio.

Em momento algum Bragantini perdeu a liderança, mas nem por isso a prova foi tranquila e sem emoções.

Logo na largada, Bragantini, Cordova e Gontijo, o campeão por uma prova de antecipação da categoria travaram bela disputa pela ponta, se distanciando do segundo pelotão lidarado por Wagner Cardoso, que disputava o vice campeonato com André Bragantini.

José Cordova que retornou a categoria para disputar a rodada dupla de Interlagos, mesmo não disputando o título ou pontos, travou uma bela disputa pela ponta.

No final do miolo, Gontijo tentou ultrapassar Cordova, mas foi obrigado a adiantar a freada para não atingir o piloto do Clio n.º 14 da W Racing. Com isso, perdeu várias posições caindo para o 7º lugar. Uma volta depois, tentando recuperar posições, saiu da pista ao desviar do carro de Wagner Ebrahim que rodou a sua frente.

Após a saída do safety car programado, para reunir o grupo, Bragantini continuou na ponta, sendo seguido de perto por Cordova, Wagner Cardoso, José Vitte e Leonardo Sanchez.

Depois da saída de pista de Gontijo no início da prova, Cardoso entrou na briga representando a Equipe Officer Motorsport para garantir dobradinha no campeonato de pilotos.

Restando 3 voltas para o final da corrida, Cordoso consegue ultrapassar José Cordova e conquista o 2º lugar, porém sem chances reais de ultrapassar Bragantini.

Na última volta Cordova tenta ultrapassar os dois ponteiros por fora no “S” do Senna, porém freando muito dentro é obrigado a travar as rodas para conseguir fazer a curva, mantendo-se assim na 3ª posição.

Bragantini conquista sua terceira vitória consecutiva na Copa Clio, mas o vice campeonato vai para Wagner Cardoso e a Equipe Officer Motorsport; Bragantini termina o campeonato em terceiro.

Após a prova, todos os pilotos falaram pelo sucesso da categoria e sua grande competitividade. Após reuniões realizadas no sábado e domingo pela manhã espera-se que a Renault reveja sua decisão em relação a temporada 2007.

Ainda não existem informações oficiais, mas pilotos e chefes de equipes acreditam que os campeonatos continuem no próximo ano, com uma direção e formato diferentes do atual.

“Faço parte de uma Organzação Não-Governamental ‘Meu sonho não tem fim’ (www.meusonhonaotemfim.com.br), e a Copa Clio para todos nós é um sonho, e tenho fé de que nosso sonho não terá fim aqui”, finaliza André Bragantini Jr.

Confira o resultado final da prova:

1º) André Bragantini Jr (PR), 19 voltas em 41:03.196 (média de 119.65 km/h)
2º) Wagner Cardoso (PR), a 0.277
3º) José Cordova (PR), a 0.878
4º) Leonardo Sanchez (SP), a 3.068
5º) José C Vitte (SP), a 4.658
6º) Cláudio Gontijo (PR), a 11.538
7º) Raulino Kreis Jr (SC), a 25.012
8º) Vicente Siciliano (SP), a 27.043
9º) Eduardo Garcia (DF), a 27.251
10º) Rodolfo Pousa (SP), a 28.751
11º) Willians Farias (SP), a 29.374
12º) Luciano Kubrusly (SP), a 35.737
13º) André Moura (SP), a 35.801
14º) Betinho Sartorio (RJ), a 42.745
15º) Fábio Delamuta (SP), a 43.497
16º) Rodrigo Rocha (RJ), a 44.454
17º) Fernando Schlickman (SP), a 44.471
18º) Daniel Paludo (RS), a 45.537
19º) Miguel Paludo (RS), a 45.690
20º) Giovane Gonçalves (GO), a 50.728
21º) Rolf Gemperli (SP), a 51.126
22º) Peter Gottschalk (SP), a 59.152
23º) Ydenis de Souza (SP), a 1:31.266
24º) Fábio Ebrahim (PR), a 1 volta
25º) Carlos Henrique (DF), a 1 volta
26º) Luiz Carreira Jr (SP), a 8 voltas
27º) Roberto Santos ( ), a 9 voltas
28º) Cadu Pasetti (SP), a 10 voltas
29º) Francisco Moreira (SP), a 13 voltas

Melhor Volta: José Cordova, 2:04.792

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *