Copa Clio: Cordova vence mais uma e amplia liderança

Paranaense tornou-se o primeiro piloto a repetir vitória em oito edições da etapa de Brasília da categoria.

O paranaense José Cordova conquistou neste domingo, em Brasília, sua segunda vitória na temporada de 2008 da Copa Renault Clio. Largando da segunda posição, ele assumiu a liderança na quarta volta e seguiu tranqüilo na ponta. Com este resultado, o bicampeão da categoria abriu mais 23 pontos de vantagem sobre seu companheiro de equipe e vice-líder do campeonato, José Vitte, que terminou em quinto. Agora, Cordova soma 74 pontos, contra 51 de Vitte e 39 de Wagner Cardoso.

A terceira etapa da temporada foi realizada sob forte calor no Autódromo Nelson Piquet, e transformou o atual líder do campeonato no único piloto a repetir vitória no circuito em oito edições da etapa de Brasília da Copa Renault Clio. Na prova, Cordova acabou beneficiado pelas constantes disputas pela segunda posição, que envolveram pelo menos cinco pilotos, e abriu 1s676 de vantagem para o pelotão seguinte.

“O fato de eu ter ficado sozinho na liderança logo depois da entrada do safety car (que faz uma intervenção regulamentar no meio da corrida) foi determinante para que a vitória viesse de forma mais tranqüila”, admitiu o ganhador. “Pude, por três ou quatro voltas, abrir um pouco em relação ao segundo colocado, e isso na Copa Clio é fundamental. Não fosse por isso, acho que a disputa pela liderança teria se estendido até a volta final”, completou.

O segundo lugar na etapa foi conquistado pelo brasiliense Carlos Henrique da Rocha, que obteve seu melhor resultado em dois anos de participação na Copa Renault Clio. Correndo em casa, ele largou na quinta posição, mas fechou a primeira volta em nono e foi obrigado a completar uma corrida de recuperação. Quando superou, um a um, os adversários, já tinha dois segundos de desvantagem para o líder. Apesar da vitória ter escapado, o brasiliense comemorou o resultado e garante que “vai dormir abraçado no troféu”.

“Foi ótimo e só tenho a agradecer a minha equipe e a meus patrocinadores”, declarou. “Cheguei a liderar um dos treinos de sexta-feira, conquistei minha melhor posição de largada e de chegada na categoria, e por isso tenho motivos de sobra para comemorar. Sem dúvida o fato de eu conhecer bem a pista ajudou bastante, mas tive um carro muito bom nas mãos”, acrescentou o melhor brasiliense na prova.

Os dois outros representantes locais não foram bem. Eduardo Garcia abandonou na quinta volta por quebra de motor, e Luciano Lobão, que reestreou na categoria após uma ausência de quatro temporadas, terminou a corrida em décimo.

O ímpeto dos pilotos na disputa por posições garantiu dose extra de emoção na etapa de Brasília, mas acabou prejudicando o dia de alguns dos favoritos à vitória. Wagner Cardoso e Rodolfo Pousa foram dois deles. Cardoso chegou a ocupar a segunda posição, mas recebeu a bandeirada em 14º. O mesmo aconteceu com Pousa, que ficou em sexto. Os dois, aliás, se estranharam até o final da prova.

Melhor para Marcos Paioli, terceiro colocado, e Luiz Frediani, que conseguiu uma surpreendente recuperação e foi o grande nome da corrida ao lado dos dois primeiros colocados. Paioli esteve no pelotão da frente durante praticamente toda a prova, e comemorou a evolução da equipe, a Paioli Racing, em relação a W Racing de José Cordiva e José Vitte – que venceu todas as três corridas da temporada.

“Estou satisfeito com o resultado, principalmente por termos conseguido evoluir em ritmo de corrida”, declarou Paioli. “Tive um carro excelente nessa etapa, e só não consegui atacar o Carlos Henrique no final da prova porque enfrentei um problema de superaquecimento no motor que roubou potência do meu carro nos trechos de reta. Mas é ótimo estar no pódio”.

A quarta etapa da Copa Renault Clio será disputada no dia 13 de julho em Interlagos.

O resultado completo da etapa deste domingo da categoria foi o seguinte:
1º) José Cordova (PR), 16 voltas em 40:22.264 (média de 130.19 km/h)
2º) Carlos Rocha (SP), a 1.676
3º) Marcos Paioli (SP), a 2.626
4º) José C Vitte (SP), a 6.389
5º) Luiz Frediani (SP), a 9.497
6º) Rodolfo Pousa (SP), a 11.181
7º) Luciano Kubrusly (SP), a 14.000
8º) Robson Vieira (SP), a 15.620
9º) Luciano Lobão (DF), a 18.947
10º) Peter Gottschalk (SP), a 21.165
11º) Ydenis de Souza (SP), a 29.475
12º) Rolf Gemperli (SP), a 29.814
13º) Zigomar Junior (SP), a 30.407
14º) Wagner Cardoso (PR), a 31.100
15º) Sergio Cardoso (SP), a 39.176
16º) Roberto Santos (SP), a 40.145
17º) Renato Pereira (SP), a 50.471
18º) Peter Gottschalk Jr (SP), a 4 voltas
19º) Zizi Paioli (SP), a 10 voltas
20º) Eduardo Garcia (DF), a 11 voltas
21º) Cesare Marrucci (SP), a 14 voltas

Melhor Volta: José Cordova, 2:25.545

Classificação do Campeonato:
1) José Cordova, 74
2) José C Vitte, 51
3) Wagner Cardoso, 39
4) Carlos H Rocha, 34
5) Marcos Paioli, 28
6) Rodolfo Pousa, 17
7) Eduardo Garcia, 15
8) Luciano Kubrusly, 9
9) Luiz Frediani, 8
    Edson do Valle, 8
11) Robson Vieira, 4
12) Peter Gottschalk, 3
13) Cesare Marrucci, 2
14) Ydenis de Souza, 1
      Luciano Lobão, 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *