Copa Fiat: sem sustos, Cacá volta a vencer em Curitiba

Christian Fittipaldi chega em 2º e vê liderança ameaçada pelo bicampeão

Depois de largar na pole da quinta etapa da Copa Fiat, disputada na manhã deste domingo no Autódromo Internacional de Curitiba-Pinhais, o carioca Cacá Bueno só foi rever os adversários no pódio na comemoração de sua terceira vitória na temporada. Ao longo das 18 voltas, o bicampeão correu tranquilo, sempre com uma margem segura de cerca de dois segundos, e as emoções ficaram por conta da briga pelo segundo lugar. Depois de andar em terceiro na maior parte da prova, Christian Fittipaldi superou André Bragantini e impediu que as posições na chegada reproduzissem exatamente as da corrida da véspera, válida pela segunda etapa e adiada da abertura do calendário em Londrina. Apesar da ótima apresentação e pressionar os carros que seguiam à frente, o catarinense Leonardo Nienkötter acabou em 4º.

A rigor, a maior dificuldade de Cacá foi subir e descer a escada de acesso ao pódio. “Sofri um estiramento de grau dois na parte posterior da coxa direita e o médico me recomendou três semanas de repouso”, explicou. Cacá, no entanto, negou que sua tarefa tenha sido tão pouco trabalhosa como parecera de fora da pista. “Nunca é fácil. O Andrezinho e o Christian estiveram próximos o tempo todo”, alegou. “O que ajudou foi que consegui abrir uma certa distância no início”, completou.

Com os resultados até agora no fim de semana, ele reduziu a desvantagem para o líder Christian de 13 para apenas dois pontos. O complemento da rodada dupla, cujo início está marcado para as 13h20 com transmissão ao vivo pela Rede TV e na Internet pelo site www.brmtv.com.br, poderá inverter as posições. No entanto, pelo sistema de grid invertido, Cacá partirá em 8º e dividirá a quarta fila com Christian, o 7º no grid comandado pelo goiano Edson do Valle.

O resultado da 5ª etapa:

1º Cacá Bueno, 18 voltas em 27:18.169
2º Christian Fittipaldi, a 2.086
3º André Bragantini, a 2.433
4º Leonardo Nienkotter, a 3.794
5º Ulisses Silva, a 21.698
6º Cesinha Bonilha, a 22.408
7º Popó Bueno, a 25.409
8º Edson do Valle, a 31.685
9º Betinho Sartório, a 42.695
10º Rogério Castro, a 59.241
11º Mauri Zaccarelli, a 59.333
12º Fábio Carvalho, a 1 volta
13º Fernando Nienkotter, a 3 voltas

Não completaram
José Vitte, a 6 voltas
Luir Miranda, a 10 voltas
Antônio Jorge Neto, a 11 voltas
Wellington Justino, a 12 voltas
Giuliano Losacco, a 16 voltas

Classificação do campeonato

1º Christian Fittipaldi, 71 pontos
2º Cacá Bueno, 69
3º André Bragantini, 48
4º Giuliano Losacco, 28
5º Popó Bueno, 27
6º Wellington Justino, 20
7º Ulisses Silva, 19
8º Edson do Valle e Leonardo Nienkotter, 16
10º Cesinha Bonilha, 14
11º Allam Khodair e Luir Miranda, 6
13º Rogério Castro, 5
14º Mauri Zaccarelli, 4
15º Antônio Jorge Neto, José Vitte e Betinho Sartório, 2
18º Fernando Nienkotter, 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *