Copa HB20: Raphael Abbate e Luciano Viscardi são os campeões da Copa HB20

Categoria encerra temporada de estreia com corrida deste domingo, que teve vitórias de Diego Augusto na Pro e Viscardi na Super

Terminou neste domingo a última etapa da Copa HB20 2019, em Interlagos. A prova de encerramento da temporada teve a vitória de Diego Augusto, seguido por Beto Cavaleiro – que forma dupla com Breno Borges – e Adriano Rabelo. Raphael Abbate cruzou a linha de chegada na quarta posição e confirmou assim o título da classe Pro. Luciano Viscardi venceu a corrida na Super, cruzando a linha de chegada em quinto colocado na geral, e conquistou o título da categoria. Kleber Eletric terminou na segunda posição e ficou com o vice campeonato. Daniel Nino ficou com a terceira posição, seguido por Keka Teixeira e Edgar Colamarino.

A primeira temporada da categoria cumpriu o seu papel no automobilismo nacional. Revelou novos pilotos, apresentou disputas equilibradas e teve a definição dos campeões apenas na última etapa.

“Foi um ano incrível para mim. Desde o início do campeonato estamos brigando entre os três primeiros e andando bem. Aqui em Interlagos não foi diferente, terminamos as três corridas no pódio, com vitória, um segundo e um quarto lugar. Estou muito feliz com o desempenho apresentado ao longo do ano e principalmente com o título”, comemorou Abbate.

“Essa é uma sensação indescritível. No meu primeiro campeonato no automobilismo e conquistar o título em uma categoria extremamente disputada, com 30 carros no grid é realmente incrível. E ainda venci o Capacete de Ouro. Não posso querer mais nada nesse ano de estreia”, comemorou Luciano Viscardi.

“Estou muito feliz e orgulhoso com o que a gente conquistou, por que ninguém conquista nada sozinho. Não posso deixar de lembrar e agradecer duas pessoas: ao Sandro Siqueira, que é o meu parceiro e deveria ter feito a temporada completa em dupla comigo mas optou por não participar do campeonato; e ao Thiago Riberi, que é meu irmão, meu amigo e meu coach. Ele me ajuda, me ensina, me puxa a orelha e me faz melhorar a cada dia. Essa conquista é para nós três”, acrescentou o campeão da Super.

Veja como terminou a prova final:
1. Diego Augusto (Pro) – 12 voltas em 26min18s080
2. Beto Cavaleiro/ Breno Borges (Pro) – a 0s722
3. Adriano Rabelo (Pro) – a 3s069
4. Raphael Abbate (Pro) – a 3s253
5. Luciano Viscardi (Super) – a 4s172
6. Kleber Eletric (Super) – a 4s920
7. Edgar Favarin/ Odair dos Santos (Pro) – a 9s680
8. Pedro Cardoso (Pro) – a 9s712
9. Caito Carvalho (Pro) – a 10s136
10. Daniel Nino (Super) – a 11s014
11. Wagner Cardoso (Pro) – a 18s798
12. Felipe Carvalho (Pro) – a 19s413
13. Bruno Testa (Pro) – a 34s850
14. Jorge Martelli (Pro) – a 35s946
15. Keka Teixeira (Super) – a 36s365
16. Edgar Colamarino (Super) – a 37s781
17. Lula Ornelas (Super) – a 39s488
18. Gabriel Salomão/ Eduardo Pimenta (Pro) – a 39s623
19. Antonio Junqueira (Super) – a 41s619
20. Alex Seid/ Rafael Frossard (Pro) – a 42s883
21. Luiz Sena Jr/ Maicon Roncen (Pro) – a 43s543
22. Chris/ Lucas Bornemann (Pro) – a 45s290
23. Flavio Andrade (Super) – a 45s640
24. Luir Miranda (Pro) – a 49s317
25. Eduardo Doriguel (Super) – a 1min14s140
26. Thiago Sansana (Super) – a 1 volta
27. Edson Reis (Super) – a 1 volta
Não completaram
28. Marcos Ramos (Pro)
29. Rogerio Motta (Pro)

 
Classificação final do campeonato:
Pro:
1. Raphael Abbate – 199 pontos
2. Diego Augusto – 154
3. Edgar Favarin/ Odair dos Santos – 141
4. Adriano Rabelo – 131
5. Roger Sandoval – 81
6. Caito Carvalho – 76
7. Felipe Carvalho – 73
8. Bruno Testa – 57
9. Rogerio Motta – 54
10. Beto Cavaleiro – 52
11. Fernando Jr – 51
12. Vitor Genz – 42
13. Chris/ Lucas Bornemann – 40
14. Pedro Cardoso – 37
15. Beto Monteiro – 34
16. Luiz Sena Jr – 33
17. Pablo Alves – 32
18. Breno Borges – 32
19. Wagner Cardoso – 28
20. Maicon Roncen – 27
21. Marcos Ramos – 24
22. Jorge Martelli – 23
23. Witold Ramasauskas – 20
24. Flavio Andrade – 15
25. Bernardo Freitas – 15
26. Fabio Carvalho – 14
27. Rafael Lopes – 14
28. Giovane Pick – 10
29. Tuca Antoniazzi – 6
30. Betão Fonseca – 4
31. Cesar Fonseca – 4
32. Ike/ Reinaldo Halmenschlager – 3
33. Rafael Iserhard – 0
34. Vinicius Kwong – 0

Super:
1. Luciano Viscardi – 212 pontos
2. Kleber Eletric – 200
3. Daniel Nino – 179
4. Lula Ornelas – 117
5. Edgar Colamarino – 104
6. Marcelo Zebra – 81
7. Eduardo Doriguel – 59
8. Luiz Cordeiro – 55
9. Luiz Henrique Santos – 38
10. Thiago Sansana – 35
11. Keka Teixera – 34
12. Flavio Andrade – 21
13. Antonio Junqueira – 20
14. R. Molly/ R. Maeda – 7
15. Matheus Biriba – 6
16. Paulo Totaro – 4
17. Edson Reis – 4
18. Francisco Marques – 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *