Copa Shell HB20: Bruno Testa e Leonardo Reis confirmam boa fase e vencem na Copa Shell HB20

Pilotos lideraram treinos na sexta, marcaram a pole position e venceram a prova deste sábado; segunda corrida em Curitiba acontece no domingo

Foi dado o pontapé inicial para a sexta etapa da Copa Shell HB20. Durante todo o sábado (7) os 32 carros da categoria tiveram uma programação extensa, com treino livre pela manhã, classificação no final da manhã e corrida durante a tarde. Com o tempo seco, sol e temperatura ambiente na casa dos 27ºC durante a corrida, os 42 pilotos inscritos suaram o macacão para concluir o primeiro dia de prova em Curitiba.

Os vencedores na primeira corrida foram os pilotos que largaram na pole position. Na Pro Bruno Testa ditou o ritmo. O dono do HB20 #15 fez o melhor tempo na sexta-feira, repetiu o feito no classificatório e liderou a prova de ponta a ponta. Já pela Super o destaque foi Leonardo Reis, que assim como Testa, liderou treino na sexta-feira, foi o mais rápido no classificatório e venceu em Curitiba.

Ao contrário do que pode parecer, Testa não teve vida fácil. Boa parte da prova o vencedor teve de segurar a pressão de Raphael Abbate. Nas voltas finais Thiago Riberi passou Abbate e também pressionou Testa, mas nada que pudesse abalar Bruno. Riberi terminou em segundo e Abbate em terceiro. Formando dupla com Cassio Cortes, Vitor Genz terminou na quarta posição, após boa disputa com Kleber Eletric, que terminou na quinta posição.

“Encontramos um acerto muito bom para a corrida. Foi muito difícil segurar o ritmo, principalmente por que atrás vinham o Abbate e o Riberi, que estavam muito rápidos e são pilotos muito experientes. Consegui manter a ponta, foi muito suado, mas mantive um ritmo forte e dessa vez levamos essa”, comemorou Testa.

Já pela Super Leonardo Reis, que forma dupla com seu irmão Rafael, não teve tantas complicações. O piloto manteve a ponta e logo conseguiu ultrapassar os pilotos da Pro que estavam a frente. “Foi uma corrida sensacional. Estamos muito bem no final de semana. Conseguimos a pole e fiz uma uma largada tranquila. Conseguimos fugir das batidas e possíveis confusões no início da prova, para depois vir administrando. Consegui manter boa distância dos carros que vinham atrás e terminar com a vitória”, comentou Leonardo. 

A segunda posição ficou com Romulo Molinari. Juba foi o terceiro, com Marcos Ramos e Thiago Ramos completando o pódio da Super.

Os carros da Copa Shell HB20 voltam à pista no domingo, para a segunda corrida em Curitiba. A largada será às 15h25.

Veja como terminou a corrida 1:
1. Bruno Testa (Pro) – 15 voltas 
2. Thiago Riberi (Pro) – a 0s495
3. Raphael Abbate (Pro) – a 1s046
4. Vitor Genz (Pro) – a 6s295
5. Kleber Eletric (Pro) – a 7s748
6. André Bragantini (Pro) – a 8s493
7. Eduardo Pavelski (Pro) – a 10s480
8. Alberto Catucci (Pro) – a 10s625
9. Diego Ramos (Pro) – a 11s357
10. Chris Bronemann (Pro) – a 17s513
11. Daniel Nino (Pro) – a 19s551
12. Leonardo Reis (Super) – a 20s062
13. Romulo Molinari (Super) – a 23s544
14. Juba (Super) – a 27s995
15. Marcos Ramos (Super) – a 28s375
16. Tiago Ramos (Super) – a 31s180
17. Luiz Sena Jr (Pro) – a 37s233
18. Odair dos Santos (Pro) – a 37s483
19. Leandro Parizotto (Super) – a 42s229
20. Edson Reis (Super) – a 42s507
21. Fabio Albuquerque (Super) – a a45s222
22. Pedro Perdoncini (Super) – 45s419
23. Thiago Sansana (Super) – a 47s311
24. Marcelo Zebra (Super) – a 1min02s840
25. Sandro Siqueira (Super) – a 1 volta
26. Lucas Bornemann (Pro) – a 1 volta 
27. Alexandre Canassa (Super) – a 1 volta
28. Keka Teixeira (Super) – a 1 volta
Não completaram
29. Marcus Índio (Super)
30. Antonio Junqueira (Super)
31. Edgar Colamarino (Super)
32. Beto Cavaleiro (Pro)

 

Transmissões
YouTube Acelerados: classificação e as duas corridas ao vivo
Facebook Webmotors: classificação e as duas corridas ao vivo
Band Sports: VT da prova 1 e a prova 2 ao vivo a partir das 15h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *