Copa Vicar: Henrique Lambert satisfeito com aprendizado nos treinos da Copa Vicar

Piloto carioca testou por duas equipes diferentes e trabalhou com três engenheiros experientes.

O carioca Henrique Lambert ficou plenamente satisfeito com a oportunidade que teve de treinar por dois dias (26 e 27/3) em Interlagos (SP) na Copa Vicar. Piloto talhado em competições de kart e monoposto, ele considerou que fez um curso intensivo de competência em automobilismo com experientes engenheiros do esporte. “Acho que raríssimos pilotos com pouca experiência tiveram essa oportunidade de aprender tanto em apenas dois dias, sobre desenvolvimento de um carro de corrida, com pessoas tão capazes”, elogiou ao se referir a Luis “Dragão” Trinci e Jayme Silva, da Katalogo Racing, e Tiago Gonçalves, da TG Competições, equipes onde o atual líder da Fórmula São Paulo testou o Stock Car.


No primeiro dia (quarta-feira) do teste coletivo onde as equipes da Copa Vicar experimentaram a nova calibração dos motores e molas de suspensão e os pneus fornecidos nesta temporada pela Goodyear, Henrique Lambert treinou com o equipamento da TG Competições. “Foi uma experiência produtivo, pois consegui me adaptar à pilotagem de um carro de Turismo, e assimilar uma linha de raciocínio de acerto de suspensão”, explicou o representante do Rio de Janeiro.


Na passagem pela Katalogo Racing Lambert experimentou um Stock Car com outra filosofia de acerto, trabalhando com dois técnicos de renome no automobilismo. “Aprendi muita com estes ícones da preparação de carros de corrida. Tive a infelicidade de enfrentar problemas no momento em que usei pneus novos, então, o tempo de volta final não serviu de referência para nada. O importante foi a base de dados que acumulei, e torço que tenha colaborado de alguma forma com eles”, comentou.


Agora Henrique Lambert vai começar a se preparar para a terceira etapa da Fórmula São Paulo, na próxima semana, com a esperança de que os times que avaliaram o seu potencial consigam completar o orçamento da temporada para que ele venha a fazer parte definitiva do programa de competições na Copa Vicar. “Procurei colaborar e não fazer nada errado. Será a realização de um objetivo se conseguir correr na Copa Vicar. Espero formar uma parceria sólida com um dos dois times, para começar a temporada da Stock Car tentando bons resultados”, encerrou o jovem de 20 anos de idade, que estreou com carros de competição a menos de um ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *