Copa Vicar: Pachenki, em 4º, segue trabalho pela pole no Rio

Piloto paranaense da ALM Motorsport diz que conquista da pole é necessária para manutenção de boas chances de vitória e de título.

Vice-líder da Copa Nextel Stock Car, o paranaense Diogo Pachenki fechou com o quarto melhor tempo os treinos livres que abriram nesta sexta-feira (29), no Rio de Janeiro, a programação de atividades da sexta etapa, no Rio de Janeiro. Admitindo a necessidade de vencer a corrida de domingo (31) para manter chances palpáveis de ser campeão, o piloto da ALM Pachenki Motorsport prevê um fim de semana de muito trabalho.
 
Pachenki, 18º colocado na primeira sessão de treinos livres no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Jacarepaguá, ficou em quarto na última, em que praticamente todos os pilotos melhoraram suas marcas. “A gente teve uma dificuldade com uma bomba no primeiro treino, mas era só questão de regulagem. O ponto primordial para nós vai ser, mesmo, o acerto de ‘chão’. Tenho que buscar essa diferença no equilíbrio do carro”, diagnosticou.
 
O melhor tempo de Pachenki foi 0s464 mais lento que o de Paulo Salustiano, o mais rápido do dia. Cláudio Capparelli, mais rápido pela manhã, ficou em segundo, a 0s214. Fábio Carreira, líder do campeonato, foi o terceiro, 0s247 atrás de Salustiano. Ele comanda a tabela de classificação com 98 pontos, contra 63 de Pachenki. “A chance existe, mas eu preciso ganhar no Rio para continuar pensando em título”, admitiu o paranaense, campeão em 2004.
 
Os pilotos voltarão à pista neste sábado (30) para o treino que vai definir o grid. Com 38 inscritos, as práticas vão servir, também, para determinar quais serão os quatro pilotos eliminados para a etapa, já que o regulamento desportivo limita a 34 o número de vagas no grid da Copa Vicar. A corrida, no domingo, terá largada às 13h, logo após a “Corrida do Milhão de Dólares”, válida pela sétima etapa da Copa Nextel Stock Car V8.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *