Dignity Gold GT Sprint Race: Super Pole será o incremento da próxima etapa

Sistema de classificação definirá o grid de largada da terceira etapa do calendário 2022. As duas corridas estão programadas para o domingo, 1º de maio, em Interlagos

Nos dias 29, 30 de abril e 1º de maio, as máquinas da Dignity Gold GT Sprint Race vão invadir o Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos (SP), para mais um grandioso evento da temporada: a Super Pole. Os 30 competidores que disputam o campeonato inscritos nas categorias PRO, AM e PROAM, entrarão na pista com 4.309 metros de extensão para defender suas posições com um regulamento extra para a definição do grid de largada.

Na etapa em Interlagos, 75 pontos estarão em jogo, sendo 25 para o classificatório e 25 para cada corrida. O treino classificatório (Q1) será disputado no sábado (30) e terá 10 minutos para todos os carros na pista. A Super Pole (Q2), sistema de qualificação utilizada em competições tradicionais de Turismo, é destinada apenas para os 10 pilotos mais rápidos em mais 10 minutos.

É nesta qualificatória que será definido o grid para a primeira corrida da terceira etapa do campeonato, que acontecem no domingo, 1º, e o resultado da primeira corrida será o grid da segunda corrida, sem qualquer inversão. No caso de duplas, não haverá ingerência sobre os pilotos. Portanto, fica liberado quem classifica e quem correrá em cada corrida, desde que, é claro, um dos dois pilotos tenha participação em um dos três resultados.

O Super Pole foi disputado por três vezes na Dignity Gold GT Sprint Race. A primeira vez em 2017, garantido por Kau Machado e na edição 2019, foi conquistado por Marcelo Henriques, ambos realizados em Interlagos. Em 2020, a chuva forte cancelou a disputa no momento da decisão do Super Pole no circuito de Curitiba. No ano passado, o Super Pole foi Sérgio Ramalho.

Na 11ª temporada estão previstas, além da Super Pole, outras atrações especiais consagradas como a Inverse Race; a etapa Night Challenge; a etapa decisiva, a Match Point e o Special Edition.

O calendário da competição está dividido em duas séries e nove etapas: o campeonato nacional, com seis etapas (duas corridas cada), todas no Brasil (Santa Cruz do Sul, Velocitta, Interlagos, Londrina e Tarumã), e o “Special Edition”, sendo três etapas (Goiânia, Interlagos e Brasília), com três corridas cada. Nesta edição serão três títulos distintos da Sprint Race: Brasil, Special Edition e Overall, nas suas respectivas classes: PRO, AM e PROAM. E, ainda, o título do minitorneio do Rookie Of The Year.

A GT Sprint Race é patrocinada por Dignity Gold e Pirelli, com o apoio de Militec1, TecPads, Fremax, Real Radiadores e Graxa.

 

PROGRAMAÇÃO DA TERCEIRA ETAPA (INTERLAGOS)

 

Sexta-feira, 29 de abril

08h00 às 10h00 – GT Sprint Race – Shakedown 1

13h00 às 13h40 – GT Sprint Race – Shakedown 2

16h00 às 16h45 – GT Sprint Race – Treino extra

 

Sábado, 30 de abril

08h55 às 09h40 – Treino oficial 1

10h15 às 10h45 – Briefing

12h30 às 13h15 – Treino oficial 2

15h20 às 15h50 – Pesagem obrigatória

16h00 às 16h10 – Treino classificatório 1

16h20 às 16h30 – SUPER POLE

 

Domingo, 1º de maio

08h00 às 08h15 – Warm-up

08h45 – Corrida 1 (23min + 1 volta)

09h10 às 9h15 – Pódio 1

12h00 – Corrida 2  (23 min + 1 volta)

12h55 às 13h00 – Pódio 2

– 

Calendário GT Sprint Race 2022:

Etapa 1 – 13 de março – Santa Cruz do Sul (RS)

Etapa 2 – 3 de abril – Velocitta – Mogi Guaçu/SP

Etapa 3 – 1º de maio – Interlagos – São Paulo/SP – #SuperPole

Etapa 4 – 5 de junho – Goiânia/GO – #SpecialEdition

Etapa 5 – 9 de julho – Londrina/PR – #NightChallenge

Etapa 6 – 21 de agosto – Interlagos – São Paulo/SP – #SpecialEdition

Etapa 7 – 18 de setembro – Tarumã, Viamão/RS

Etapa 8 – 6 de novembro – Brasília/DF – #SpecialEdition

Etapa 9 – 11 de dezembro – Londrina/PR – #MatchPoint

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *