DTM: Timo Glock vence última prova do ano

O alemão Timo Glock (MTEK BMW) venceu neste domingo (20/10), em Hockenheim, na Alemanha, a última etapa da temporada. Foi a primeira vitória de Glock na categoria. O espanhol Roberto Merhi (HWA Mercedes) e o canadense Bruno Spengler (Schnitzer BMW) completaram o pódio.

Pole-position, Spengler manteve a ponta na largada, seguido pelo britânico Andy Priaulx (RMG BMW). Campeão antecipado, o alemão Mike Rockenfeller (Phoenix Audi) deu um passeio pela grama na primeira curva. Na segunda curva, o brasileiro Augusto Farfus (RBM BMW) rodou, após levar um toque de Glock, acertando Rockenfeller.

Por queimar a largada, Merhi levou um drive-through, cumprindo a punição na segunda volta. Logo nas primeiras voltas, os pilotos começaram a entrar nos boxes, para o primeiro pit stop obrigatório.

Depois de sua parada, Farfus se envolveu em dois toques, no intervalo de cinco voltas. Ambos com carros da HWA Mercedes. Primeiro com o canadense Robert Wickens e depois com o britânico Gary Paffett. Spengler parou na 14ª volta.

Glock, o sueco Mattias Ekström (Abt Audi), o espanhol Dani Juncadella (Mucke Mercedes) e Merhi permaneceram na pista, assumindo as primeiras posições. Na 28ª volta, na disputa pela segunda posição, Juncadella acertou Ekström, com o sueco rodando. Juncadella levou um drive-through pelo incidente.

Na 31ª volta, Glock foi o último a fazer o primeiro pit stop, voltando atrás de Merhi. Na 35ª volta, Glock superou Merhi, retomando a ponta. Duas voltas depois, Glock fez a segunda parada (Merhi parou na anterior).

Glock venceu com 2s7 de vantagem para Merhi. Spengler completou o pódio.
Ekström terminou em quarto, seguido pelo espanhol Miguel Molina (Phoenix Audi) e Priaulx. Os alemães Christian Vietoris (HWA Mercedes) e Dirk Werner (Schnitzer BMW), Paffett e Juncadella completaram a zona de pontos. Farfus foi o 11º.

Rockenfeller foi campeão com 142 pontos. Farfus ficou com o vice-campeonato com 116 pontos. Spengler com 82 terminou em terceiro, seguido por Vietoris com 77.

Final:

1) Timo Glock – MTEK BMW 1h16m44.053, 41 voltas
2) Roberto Merhi – HWA Mercedes +2.787s
3) Bruno Spengler – Schnitzer BMW +10.120s
4) Mattias Ekström – Abt Audi +11.365s
5) Miguel Molina – Phoenix Audi +15.619s
6) Andy Priaulx – RMG BMW +20.922s
7) Christian Vietoris – HWA Mercedes +30.466s
8) Dirk Werner – Schnitzer BMW +31.276s
9) Gary Paffett – HWA Mercedes +37.027s
10) Dani Juncadella – Mucke Mercedes +37.246s
11) Augusto Farfus – RBM BMW +44.516s
12) Jamie Green – Abt Audi +44.811s
13) Timo Scheider – Abt Audi +45.503s
14) Adrien Tambay – Abt Audi +48.966s
15) Edoardo Mortara – Rosberg Audi +1m06.528s
16) Mike Rockenfeller – Phoenix Audi +1m14.060s
17) Pascal Wehrlein – Mucke Mercedes +1m19.961s
18) Robert Wickens – HWA Mercedes +1m34.478s
19) Martin Tomczyk – RMG BMW +1m59.697s
20) Joey Hand – RBM BMW – 1 volta
21) Marco Wittmann – MTEK BMW – 4 voltas

Abandonou:
Filipe Albuquerque – Rosberg Audi – 1 volta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *