Endurance Brasil: Problema elétrico atrapalha corrida do protótipo Sigma P1

O piloto paulista Jindra Kraucher e o gaúcho Felipe Bertuol, a bordo do protótipo Sigma P1, não cumpriram com suas expectativas e objetivos na terceira etapa do Império Endurance Brasil, que aconteceu neste fim de semana, no Autódromo de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul. Largando da décima terceira posição na geral e em nono na categoria P1, o protótipo apresentou uma pane elétrica logo no inicio da prova fazendo a dupla abandonar a disputa.

“A gente teve um problema elétrico e não conseguimos identificar, trouxemos o carro para os boxes e não conseguimos replicar o problema, para resolver, acabamos abandonando. O carro apagou na pista por duas vezes, uma logo no começo, e uma outra depois que teve que ser rebocado. Nos treinos tínhamos um ritmo super bom, o Jindra sempre andando entre os sete mais rápidos, somente o setup teríamos que melhorar, não estávamos satisfeitos. Em termos de ritmo, melhorou bastante, mas temos muito trabalho pela frente e nos pegou de surpresa esse problema”, explicou Bertuol.

Noel Teixeira da Nafta Motorsport que cuida de toda operação do carro #04 lamentou o abandono. “Uma pane elétrica infelizmente nos tirou dessa etapa do Endurance Brasil, não conseguimos sanar, até conseguimos fazer o motor funcionar de volta, mas avaliamos se era vantagem a gente voltar para pista que praticamente já tínhamos perdido a participação na prova então resolvemos abandonar e partimos para a quarta etapa”, declarou Noel Teixeira.

A próxima etapa acontece no dia 27 de julho, onde o Império Endurance Brasil desembarca novamente no Rio Grande do Sul, mas no circuito do Velopark, em Nova Santa Rita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *