F-Júnior: Disputas intensas definiram o vice-campeão da primeira temporada

Estreantes fizeram bonito, largando das primeiras posições e conquistando pódio

A primeira temporada da Fórmula Júnior, repleta de disputas eletrizantes ao longo de suas etapas – vencidas por sete pilotos diferentes -, não poderia ter terminado de forma diferente do que foi visto no último domingo (17) no Autódromo Internacional de Tarumã, em Viamão (RS). Em provas – especialmente a segunda – extremamente disputadas, a categoria definiu seu vice-campeão e mostrou que os estreantes chegaram para ficar.

Com seu campeão, o gaúcho Victor Matzenbacker, definido de forma antecipada, a 8ª e última etapa da Fórmula Júnior tinha como principal atração a disputa pelo vice-campeonato, que reunia os também gaúchos Lucas Alves e Gabriel Robe e o sergipano Matheus Rouver. Com dois segundos lugares, quem levou a melhor foi Robe, mas a disputa foi intensa até o final, já que ele e Alves terminaram empatados, com 158 pontos conquistados ao final dos descartes.

“Este vice veio para mostrar que, mesmo depois de várias ondas de azar que tivemos ao longo da temporada, conseguimos nos recuperar, obtendo várias vitórias e sendo mais constante no final do campeonato”, disse o piloto da Irineu Racing, que com o tempo de 1:11.148 obtido na 1ª bateria se tornou o recordista da categoria no Autódromo de Tarumã. “Em 2014 permaneço na Fórmula Júnior e vou brigar pelo título”, completou.

E quem se destacou na reta final da Fórmula Júnior foi o paranaense Rodrigo Elger, que viveu momentos atribulados ao longo do ano e recuperou-se muito bem. Depois conquistar sua primeira vitória na categoria na etapa anterior, Elger venceu as duas acirradas provas do domingo depois de obter o 5º lugar na tomada de tempos. A boa recuperação e os 60 pontos somados nas três últimas baterias o colocaram em 5º lugar no final do campeonato.

“Fechei o ano com chave de ouro, obtendo a vitória nas três últimas provas da temporada”, vibra Elger, que compete na Pole Racing Team. “Tive um problema com um pneu furado na tomada de tempos, mas consegui largar bem e logo assumi o 3º lugar. Depois, nas duas baterias, as disputas foram limpas e intensas, especialmente com o Robe, e consegui vencer e me recuperar bem no campeonato”, continuou.

Três pilotos fizeram sua estreia na Fórmula Júnior nesta etapa, já visando sua participação na próxima temporada. A piauiense Palomma Clésia, que iniciou sua participação de forma tímida, buscando ambientação ao carro e ao traçado, aos poucos foi crescendo na competição e marcou seus primeiros pontos na categoria. O paulista Lucas Villela foi o melhor estreante na tomada de tempos, obtendo o 3º lugar e superando diversos pilotos que participaram da categoria desde o início da temporada. Guilherme Samaia, por sua vez, estreou com um pódio e com a melhor volta na segunda bateria.

“Foi o melhor final de semana da minha vida, pude realizar um sonho”, resume o piloto paulista. “Tive alguns problemas na tomada de tempo e poderia ter largado melhor. Fiz a melhor volta da segunda bateria entre pilotos que já correm desde o início do ano e este 4º lugar no pódio foi fantástico, me anima muito para o ano que vem”, finalizou.

Encerrada a primeira temporada, a Fórmula Júnior projeta crescimento para 2014 e prevê novas seletivas para a definição dos pilotos que competirão no próximo ano. “Terminamos nosso primeiro ano com resultados muito acima de nossas expectativas iniciais. A categoria cumpriu muito bem seu objetivo, que era proporcinar a transição do piloto de kart para o automobilismo”, avaliam Claudio Fontoura e Neco Fornari, promotores da Fórmula Júnior. “Temos certeza de que os pilotos aprenderam muito e seguramente surpreenderam a todos. Em breve daremos continuidade às seletivas para 2014”, finalizam.

Confira o resultado das baterias da 8ª e última etapa:
1ª bateria
1 Rodrigo Elger – 16 voltas – 22:09.248
2 Gabriel Robe – a .098
3 Lucas Alves – a 6.115
4 Matheus Rouver – a 6.128
5 Rafael Smaniotto – a 6.271
6 Franco Pasquale – a 12.794
7 Bruna Tomaselli – a 12.966
8 Lucas Villela – a 19.790
9 Victor Matzenbacker – a 32.025
10 Palomma Clésia – a 38.616
11 Guilherme Samaia – a 12 voltas

2ª bateria
1 Rodrigo Elger – 14 voltas – 19:38. 872
2 Gabriel Robe – a 1.517
3 Lucas Alves – a 2.223
4 Guilherme Samaia – a 2.591
5 Franco Pasquale – a 3.274
6 Bruna Tomaselli – a 3.789
7 Rafael Smaniotto – a 4.199
8 Palomma Clésia – a 5.875
9 Lucas Villela – a 7.264
10 Victor Matzenbacker – a 4 voltas
11 Matheus Rouver – a 4 voltas

E a pontuação final (10 primeiros):
1 Victor Matzenbacker (RS) – 205 pontos
2 Gabriel Robe (RS) – 158
3 Lucas Alves (RS) – 158
4 Matheus Rouver (SE) – 129
5 Rodrigo Elger (PR) – 110
6 Victor Miranda (SP) – 104
7 Bruna Tomaselli (SC) – 101
8 Gustavo Bandeira (DF) – 85
9 Franco Pasquale (RS) – 54
10 Rafael Smaniotto (PR) – 53

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *