F-Júnior: Onze brasileiros e um paraguaio disputam abertura da Fórmula Júnior neste final de semana

Categoria de transição do kartismo para o automobilismo terá oito rodadas duplas em quatro autódromos diferentes

E chegou o tão aguardado final de semana de estreia da Fórmula Júnior, categoria que servirá como ponte de transição do kartismo para o automobilismo. A primeira de oito rodadas duplas da temporada será disputada no próximo domingo (24) no tradicional Autódromo de Tarumã, em Viamão (RS), um dos mais antigos do Brasil.

Doze pilotos, de vários Estados brasileiros e do Paraguai, estarão na pista a partir desta sexta-feira, quando pela primeira vez participarão de treinos em um evento oficial da Fórmula Júnior, já se preparando para a tomada de tempos no sábado e as duas corridas no domingo. “Chegamos ao esperado final de semana de nossa estreia muito bem preparados, apesar de ansiosos”, destaca Claudio Fontoura, promotor do evento ao lado de Neco Fornari.

Criada pela Federação Gaúcha de Automobilismo, a Fórmula Júnior chega como a única “categoria-escola” no Brasil para o piloto de kart que pretende migrar para o automobilismo e apresenta-se com o especial atrativo de oferecer baixo custo, apenas R$ 55 mil pela temporada inteira, de oito etapas duplas – 16 corridas – em quatro autódromos diferentes, Guaporé, Santa Cruz do Sul, Tarumã e Velopark.

“Nosso pacote é atrativo e realmente caiu no gosto dos pilotos de todo o Brasil, por isto e pelo equilíbrio, já que os motores são preparados pelo mesmo profissional e sorteados a cada duas etapas. Os amortecedores seguem o mesmo padrão”, lembra Fontoura, citando concorrentes do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Sergipe, Distrito Federal e também do Paraguai. “Mas o principal objetivo da Fórmula Júnior é preparar o kartista para seus próximos desafios no automobilismo, quando ele começará a correr nas categorias de monopostos da Europa ou na Fórmula 3 Sul-Americana”, continua.

Construídos em chassi tubular, encapado em alumínio, os carros da Fórmula Júnior são equipados com motor 1.4 de 16 válvulas, câmbio Hewland e pneus slick NA Carrera, e utilizam o Pro Tune, um sistema de telemetria por satélite, que mapeia a pista e permite inúmeros comparativos. Com painel touchscreen e GPS integrado, o Pro Tune permite gerenciamento eletrônico e injeção de combustível programável.

A programação da 1ª etapa da Fórmula Júnior prevê treinos livres durante a sexta-feira e o briefing da Direção de Prova com os pilotos e seus familiares. No sábado, das 8:20 às 8:45, os pilotos farão seu primeiro treino oficial, atividade que se repetirá das 10:30 às 10:55. À tarde, às 16:40, será realizada a tomada de tempos. Por fim, no domingo, às 9:20 e às 12:40, os pilotos disputarão as baterias, cada uma com duração de 25 minutos.

Doze pilotos vão disputar a prova de estreia da Fórmula Júnior, dentre eles uma representante feminina, Bruna Tomaselli, de Santa Catarina. Gustavo Bandeira (DF), os gêmeos Lucas e Vitor Borges (MG), Bruno Lopes e Rafael Smaniotto (PR), Gabriel Robe, Lucas Alves e Victor Hugo Matzenbacker (RS), Victor Miranda (SP), Mateus Rouver (SE), além do paraguaio Lucas Balbuena também integram a lista dos que vão buscar o título de primeiro Campeão Brasileiro da Fórmula Júnior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *