F-Renault Européia: Oliver Rowland e Luca Ghiotto vencem em Spa-Francorchamps

O britânico Oliver Rowland (Manor MP) e o italiano Luca Ghiotto (Prema) foram os vencedores da segunda etapa da temporada, disputada em Spa-Francorchamps, na Bélgica.

Prova 1:

A primeira prova, no sábado (01/06), foi atrasada em quase três horas por causa da densa neblina da manhã que reduziu a visibilidade a zero e impediu a abertura das atividades de pista. Por isso, quando o tempo melhorou, a tomada classificatória foi reduzida em 10 minutos.

Saindo da quinta posição, Rowland assumiu a ponta logo na primeira volta. O francês Pierre Gasly (Tech 1) e o colombiano Oscar Tunjo (Kaufmann) completaram o pódio.

O pole-position, o britânico Jake Dennis (Fortec) foi apenas o sexto. Entre os brasileiros, Victor Franzoni (Koiranen) foi o melhor em 12º. Bruno Bonifácio (Prema) terminou em 15 º, marcando a melhor volta da prova. Guilherme Silva (Koiranen) abandonou após um acidente com o holandês Nyck De Vries, seu parceiro de equipe.

Final, prova 1:

1 – Oliver Rowland – Manor MP – 12 volta 27’49″460
2 – Pierre Gasly – Tech 1 – 1″711
3 – Oscar Tunjo – Kaufmann – 5″194
4 – Andrea Pizzitola – ART Junior – 8″324
5 – Antonio Fuoco – Prema – 9″242
6 – Jake Dennis – Fortec – 10″271
7 – William Vermont – ARTA – 10″989
8 – Esteban Ocon – ART Junior – 11″393
9 – Stefan Wackerbauer – Interwetten – 14″388
10 – Mikko Pakari – Fortec – 15″693
12 – Victor Franzoni – Koiranen – 22″021
15 – Bruno Bonifacio – Prema – 24″645
Ab – Guilherme Silva – Koiranen – 6 voltas

Volta mais rápida: Bruno Bonifacio 2’19″005

Prova 2:

No domingo (02/06), Ghiotto, segundo no grid, superou o pole, o compatriota e parceiro de equipe Antonio Fuoco, logo na largada. Pierre Gasly terminou em segundo, seguido por Bonifácio.    

A prova foi marcada dois acidentes fortes na curva Raidillon, o primeiro logo na terceira volta e o segundo já nos minutos finais, sem maiores consequências para os pilotos, mas que provocaram a entrada do safety car.

Silva terminou em 12º, seguido por Franzoni. Vencedor da primeira prova, Rowland foi apenas o 33º, entre 39 carros.

O francês Matthieu Vaxiviere (Tech 1), que venceu as duas provas da etapa de abertura da temporada, em Aragon, na Espanha, saiu da Bélgica com apenas um ponto.

Gasly é o novo líder com 53 pontos, dois a mais do que Vaxiviere. Dennis é o terceiro com 42, seguido por Rowland com 51. Bonifácio com 15 pontos é o 10º.

Final, prova 2:

1 – Luca Ghiotto – Prema – 12 voltas 52’54″683
2 – Pierre Gasly – Tech 1 – 0″582
3 – Bruno Bonifacio – Prema – 1″362
4 – Antonio Fuoco – Prema – 2″081
5 – Jake Dennis – Fortec – 3″272
6 – Oscar Tunjo – Kaufmann – 4″032
7 – Esteban Ocon – ART Junior – 4″146
8 – Nyck De Vries – Koiranen – 4″785
9 – Mikko Pakari – Fortec – 5″688
10 – William Vermont – ARTA – 9″529
12 – Guilherme Silva – Koiranen – 10″009
13 – Victor Franzoni – Koiranen – 10″514

Votla mais rápida: Pierre Gasly 2’19″663

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *