F- Renault Inglesa: Gamberini capota, mas sai ileso na Escócia

O paulista Fábio Gamberini escapou ileso de seu pior acidente na Fórmula Renault inglesa. Na quarta volta da 15ª etapa da temporada, disputada neste domingo no circuito escocês de Knockhill, o piloto da Mark Burdett Motorsport levou um toque do britânico Lewis Wiliamson (Manor Motorsport), saiu da pista e capotou diversas vezes até parar com o carro virado de ponta-cabeça. Apesar da gravidade do acidente, que provocou danos de monta no monoposto, Gamberini saiu sozinho do cockpit, foi atendido pelas equipes de resgate, passou pelo ambulatório do autódromo e foi liberado para a segunda prova da rodada dupla.

Gamberini disse que chegou a pressentir a batida quando fazia a ultrapassagem. “Dei uma olhadinha de lado e vi que ele vinha para cima de mim. Pensei, nossa, ele vai me acertar, e me preparei para a pancada. O problema é que o carro entrou num terreno irregular e começou a virar. Felizmente, o santantonio cumpriu o seu papel e evitou o choque do capacete contra o solo. O Williamson não teve culpa. Foi uma quebra no carro dele que o impediu de fazer a curva”, afirmou o brasileiro.

Os mecânicos da Mark Burdett Motorsport constataram que as suspensões foram seriamente danificadas, bem como aerofólios dianteiros e traseiros. “Ainda bem que chassi, motor e câmbio não foram afetados e tudo deve estar ajeitado para a próxima etapa, dia 16 em Silverstone”, informou Gamberini, que usou o segundo carro da equipe no complemento da programação em Knockhill. Sem o acerto ideal e enfrentando problemas com o balanço dos freios, abandonou novamente depois de levar outra batida.

As vitórias foram divididas por Tom Blomqvist (Fortec) e Robert Foster-Jones (CRS). Restando apenas mais quatro corridas, o título permanece indefinido, já que a diferença de pontos entre os primeiros colocados é pequena. O líder Tamas Pal’Kiss (Atech GP) soma 390, contra 378 de Blomqvist e 363 de Williamson. Gamberini manteve o 14º lugar, com 107. Em Silverstone, a Fórmula Renault trocará o Campeonato Inglês de Carros de Turismo pela Renault World Series como atração principal do programa. As provas serão realizadas no mesmo traçado recentemente usado pela Fórmula 1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *