F-São Paulo: Cinco anos depois, Filippe Forti volta a vencer na categoria

Campeão da temporada 2004 disputou a quinta etapa deste ano no lugar de Michel Aboissa, e faturou a vitória em uma prova repleta de boas disputas

A Fórmula São Paulo disputou neste final de semana a quinta etapa da sua temporada 2009 – integrando a programação do Campeonato Paulista de Velocidade no Asfalto – e viu um velho conhecido cruzar a linha de chegada na primeira posição. Filippe Forti, campeão da temporada 2004 da categoria, voltou ao grid de largada no lugar de Michel Aboissa e, cinco anos depois, mostrou que a velocidade continua a mesma.

“Tenho contato direto com a categoria, trabalhando na equipe Iaconelli, e sempre que é preciso treino com o carro para ajudar os pilotos no acerto. Mas correr mesmo eu não corria desde 2004. Voltei determinado a vencer e estou muito feliz com esse resultado”, comentou Forti.

Na pista, o piloto não teve facilidades para se manter na primeira posição. “Eu só treinei na sexta-feira com chuva. Não tinha um acerto ideal para o seco por causa da nova carenagem, e também não tinha um jogo de pneus novos. Fiz a tomada de tempos com pneus usados e consegui a terceira posição. A partir daí, eu sabia que se quisesse vencer, teria que pular na frente na largada”, lembrou o piloto.

Para largar na frente, Forti contou ainda com um problema no carro de Bruno Andrade – o pole-position –, ocorrido a menos de três minutos da saída para a volta de apresentação. Um parafuso da suspensão se soltou e Andrade teve que largar com quase uma volta de atraso. Terceiro no grid e com caminho livre à sua frente, Forti ainda se beneficiou de um problema no câmbio de Arthur Gaggini, segundo na tomada de tempos, para contornar a primeira curva na frente. “Na hora que parei depois da volta de apresentação, a primeira marcha escapou e perdi tempo para engatar de novo. Por isso acabei perdendo posições na largada”, explicou Gaggini.

Antes mesmo da quinta volta da corrida, enquanto Bruno Andrade imprimia um ritmo alucinante para recuperar terreno depois de largar com atraso, Filippe Forti, Arthur Gaggini e Amorim Júnior disputavam a liderança da prova. Pouco depois, foi a vez de Bruno Andrade encostar no líder e dar início à principal perseguição da corrida. Depois de várias tentativas de ultrapassagem, Andrade e Forti acabaram se tocando na saída do “S” do Senna quando faltavam três voltas para o fim. Quem levou a pior foi o líder do campeonato (Andrade), que teve de abandonar com a suspensão quebrada.

Forti seguiu na pista e completou as 18 voltas da corrida. Já Amorim Júnior garantiu o segundo lugar com uma ultrapassagem sobre Arthur Gaggini na última volta. “Depois do toque com o Bruno, meu carro ficou muito ruim de guiar. Na reta eu precisava segurar o volante virado para não ir na direção do muro. Por sorte eu já tinha conseguido abrir vantagem dos outros e pude levar até o final”, detalhou Filippe, que ainda completou: “Sem dúvida a experiência que eu tenho na categoria foi fundamental para vencer aqui hoje”.

Apesar do abandono, Bruno Andrade segue líder da Fórmula São Paulo – agora com 78 pontos. Amorim Júnior conquistou seu melhor resultado no ano até aqui e, com a segunda posição, se mantém na vice-liderança da tabela com 59. Arthur Gaggini é o terceiro, com 54.

Veja o resultado da 5ª etapa da Fórmula São Paulo:

1) Filippe Forti, 18 voltas em 32m43s654
2) Amorim Júnior, a 9s774
3) Arthur Gaggini, a 10s839
4) Dieckle Icklis, a 11s455
5) Luiz Abbade, a 22s942
6) Bruno Andrade, a 2 voltas
7) Márcio Hanashiro, a 2 voltas
8) Aleandro Fortunato, a 10 voltas

Após cinco etapas, o campeonato está assim:
1) Bruno Andrade, 78 pontos
2) Amorim Júnior, 59
3) Arthur Gaggini, 54
4) Leandro Florenzo, 41
5) Dieckle Icklis, 29
6) Luiz Abbadde, 26
7) Michel Aboissa, 20
8) Filippe Forti, 20

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *