F-São Paulo: Debaixo de chuva, Henrique Lambert vence de ponta a ponta em Interlagos

Piloto carioca conquistou segunda vitória consecutiva em cinco corridas na Fórmula São Paulo, e subiu para a quinta posição no campeonato. Liderança ainda é do mineiro Victor Corrêa.

De ponta a ponta, o carioca Henrique Lambert venceu neste domingo a oitava etapa da Fórmula São Paulo, realizada debaixo de muita chuva no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Largando na pole position, o piloto da equipe Iaconeli Racing liderou todas as 16 voltas da prova, e praticamente não foi ameaçado pelo segundo colocado, Allisson Silva. Mesmo sem ter disputado todas as corridas do campeonato, Lambert vem sendo um dos destaques da categoria neste final de temporada e, em apenas cinco provas, já soma duas vitórias e um quinto lugar.

“Esta foi minha primeira corrida com chuva e por isso o resultado não poderia ter sido melhor”, falou o piloto. “Nas primeiras voltas a pista esteve muito molhada, e procurei manter a concentração. Desde que comecei no kart, sempre tive em mente que, na chuva, quem erra menos leva a melhor. E foi o que procurei fazer. Não cheguei a fazer a melhor volta, mas procurei manter um ritmo constante e, em determinado momento, até conservador. Mas a estratégia deu certo e estou muito feliz com essa vitória”, declarou Lambert.

A etapa deste domingo em Interlagos teve poucas disputas por posições, e a grande quantidade de água na pista provocou algumas rodadas e saídas de pista – principalmente no Esse do Senna. Nem mesmo o segundo colocado na etapa, o catarinense Allisson Silva, escapou ileso dos problemas. No início da segunda metade da prova, ele chegou a se aproximar do líder, mas escapou no final da reta dos boxes perdeu contato com o vencedor.

“Esta foi uma corrida muito difícil e acabei escapando algumas vezes, o que me custou a briga pela vitória”, admitiu o segundo colocado. “Mas, no geral, estou satisfeito porque fizemos um carro muito bom para essa prova, e pude conquistar um resultado importante para o campeonato. A vitória me permitiria descontar mais cinco pontos para o Victor Corrêa, mas o segundo lugar representou uma grande conquista”, acrescentou o catarinense, que retornou à terceira posição no campeonato, com 79 pontos. Em primeiro segue o mineiro Victor Corrêa, que terminou a etapa deste domingo em quarto e soma 109.

O resultado final da etapa foi positivo, também, para o paulista Caio Lara, vice-líder do campeonato e melhor colocado entre os “pilotos da casa” na Fórmula São Paulo. Terceiro colocado na prova, ele diminuiu para 12 pontos a diferença que o separa de Victor Corrêa, e segue na briga pelo título. “Tive problemas de embreagem nas últimas voltas e por isso não tive como tentar ultrapassar o Allisson. Mesmo assim, o resultado foi positivo e me permitiu continuar na briga pelo título”, falou o piloto.

Mais experiente entre os pilotos da categoria, Allisson Silva elogiou o novo asfalto de Interlagos, embora tenha chamado a atenção para a existência de poças d’água em determinados pontos do circuito. “Há poças em alguns trechos, como no Laranjinha, mas isso não chega a ser perigoso. No geral, a pista ficou muito boa e, por causa da pouca borracha existente no traçado, conseguimos um resultado surpreendente. Nessa corrida, viramos cerca de sete segundos mais rápidos do que na última prova realizada pela categoria em Interlagos sob essas condições”, acrescentou o catarinense, que disputa sua terceira temporada na Fórmula São Paulo e estabeleceu a melhor passagem na prova deste domingo, com 2min00s451.

Restando apenas duas corridas para o encerramento da temporada, a disputa pelo título ficou restrita a apenas quatro pilotos. Apesar da vitória, Lambert não tem mais chances de brigar pelo campeonato, mas acredita na possibilidade de fechar o ano entre três primeiros. “Não fiz todas as corridas e isso me prejudicou bastante, mas quero subir mais algumas posições na tabela até o encerramento da temporada”, encerrou o vencedor deste domingo.

Confira o resultado completo da oitava corrida da Fórmula São Paulo, e veja como ficou o campeonato após a etapa deste domingo em Interlagos.

Corrida – 8ª etapa

1) Henrique Lambert, 16 voltas em 35min54s827
2) Allisson Silva, a 6s818
3) Caio Lara, a 9s529
4) Victor Corrêa, a 11s437
5) Thiago Calvet, a 16s066
6) Paulo Meyer, a 47s191
7) Felipe Leonardos, a 47s952
8) Thiago Armentano, a 59s247
9) Alberto Cattucci, 1min36s660
10) Gabriel Tojal, a 1min43s240
11) Esthefano Esteves, a 1min45s646
12) Marcio Pasaneli, a 1 volta
13) Raphael Andrade, 1 volta
14) João Lopes, a 5 voltas
15) José Amorin, a 7 voltas
16) Leandro Florenzo, a 14 voltas

Campeonato

1) Victor Correa, 109
2) Caio Lara, 97
3) Allisson Silva, 79
4) Marcio Pasaneli, 68
5) Henrique Lambert, 56
6) Thiago Calvet, 52
7) Felipe Leonardos, 51
8) Amorim Jr., 35
9) Werner Neugebauer, 26
10) Thiago Armentano, 13
11) Paulo Meyer, 13
12) Gabriel Tojal , 10
13) Leandro Florenzo, 8
14) Nilton Molina, 5
15) Rafael Suzuki, 4
16) Vinicius Mauri, 4
17) Alberto Cattucci Filho, 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *