F-São Paulo: Henrique Lambert vence em Interlagos e dispara na liderança

Piloto carioca garantiu a vitória a menos de três voltas do fim da corrida.

O carioca Henrique Lambert (Body Nutry/VP2/Oktane/MTT/ Iaconelli) conquistou neste domingo (06/08) no Autódromo de Interlagos uma vitória emocionante na corrida válida pela quinta etapa do Campeonato Paulista da Fórmula São Paulo, única competição de monopostos disputada regularmente no Brasil. A três voltas do fim da prova ele fez uma grande ultrapassagem sobre o paulista Raphael Abbate (Alpha Color/Bombril/Avery Dennison/Phebem) para garantir seu terceiro triunfo na temporada. “Foi sensacional. A corrida foi muito boa, com disputas em todas as voltas. E ainda fiz a ultrapassagem por fora na curva do Lago, pra fechar com chave de ouro”, afirma o empolgado esportista, que com o tempo de 1min44s835 fez a volta mais rápida da corrida, na 17ª passagem.


 


Desde o começo da prova a disputa pela liderança foi monopolizada por Henrique Lambert e Raphael Abbate. “Desta vez eu consegui largar bem e mantive minha segunda posição. Fiquei o tempo inteiro escoltando o Abbate, sempre bem de perto”, conta. Mas mesmo com um bom ritmo e mantendo uma curta distância para o líder, ele não conseguia efetuar a ultrapassagem. “Aos poucos eu fui chegando, mas o problema de câmbio apareceu novamente e, nas reduções, a 3ª marcha não entrava. Por mais que eu viesse colado na reta, eu perdia muito tempo no S do Senna e no Lago”, explica o titular da Iaconelli Racing.


 


Mesmo com a entrada do Safety Car na 12ª volta e o reagrupamento de todos os competidores, os dois pilotos se mantiveram em destaque na luta pela vitória. Então, na abertura da 16ª volta, Lambert decidiu fazer uma manobra arriscada e assumiu a liderança da corrida. “Eu fiz bem o S e saí muito perto dele na reta oposta. Eu pensei comigo que tinha que ser naquela hora, se não eu não conseguiria ganhar. Então eu coloquei por fora e freei bem dentro. O carro escorregou bastante de traseira, mas consegui ficar lado a lado com ele pra sair na frente na entrada do Laranjinha. Foi bastante arriscado, mas eu estava bem confiante”, conta o representante da Body Nutry/VP2/Oktane/MTT/ Iaconelli, que se manteve em primeiro nas duas voltas finais.


 


Lambert fez questão de elogiar a atitude de Abbate durante toda a corrida. “Fizemos uma disputa muito forte e agressiva, mas bastante limpa. Em nenhum momento fomos desonestos um com o outro”, lembra. O piloto do Rio de Janeiro soma agora 90 pontos e ampliou sua liderança sobre Felipe Leonardos (Opus/Massoni Racing) de 28 para 36 pontos, quase duas corridas de vantagem. “Para o campeonato foi mais do que excelente. O saldo do fim de semana é realmente muito positivo”, fala. O piloto que subiu ao pódio em todas as etapas aproveitou para fazer uma avaliação de seu desempenho ao final da primeira metade da competição. “Venci três de cinco corridas e sem os descartes tenho 90% de aproveitamento. Não tem do que reclamar. Por enquanto está melhor do que a encomenda”, finaliza.


 


A próxima etapa acontece também em Interlagos, no dia 29 de junho.


 


Estes foram os 10 primeiros da quinta etapa da Fórmula São Paulo:


 


1º) Henrique Lambert (Body Nutry/VP2/Oktane/MTT/ Iaconelli), 18 voltas em 33min25s674;


2º) Raphael Abbate (Alpha Color/Bombril/Avery Dennison/Phebem), a 0s884;


3º) Felipe Leonardos (Opus Papéis/Sappi/Massoni), a 1s713;


4º) Thiago Armentano (Seo Justino/Cards and Co/Alpie), a 1s857;


5º) Michel Aboissa (Iaconelli Racing), a 9s451;


6º) Leandro Florenzo (Souza Ramos/Dynamics/Alpie), a 10s180;


7º) Tiago Pinto (Bassan Motorsport), a 24s577;


8º) Arthur Gaggini (Poiano Lopes Contruções/Alpie Racing), a 26s990;


9º) José Amorim (Fiolux/Art Lux/EMB), a 9 voltas;


10º) Jorge Calaça Neto (Pharmaervas), a 10 voltas.


 


Assim ficou a Fórmula São Paulo após 5 etapas.


 


1º) Henrique Lambert (Body Nutry/VP2/Oktane/MTT/Iaconelli), 90 pontos;


2º) Felipe Leonardos (Opus/Massoni Racing), 54;


3º) Thiago Armentano (Seo Justino/Cards and Co/Alpie), 46;


4º) Raphael Abbate (Alpha Color/Bombril/Avery Dennison/Phebem), 45;


5º) Leandro Florenzo (Souza Ramos/Dynamics/Alpie), 32;


6º) José Amorim (Fiolux/Art Lux/Iaconelli), 26;


7º) Nilton Molina (Mongeral/Iaconelli), 20;


8º) Michel Aboissa (Iaconelli Racing), 12;


9º) Arthur Gaggini (Poiano Lopes Contruções/Alpie Racing), 11;


10º) Tiago Pinto (Bassan Motorsport), 5;


11º) Jorge Calaça Neto (Pharmaervas), 1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *