F1: 15 teriam acessado dados da McLaren

O caso de espionagem envolvendo a equipe Renault e a McLaren ganhou mais um capítulo. O site Autosport publicou uma matéria onde afirma que pelo menos 15 engenheiros da equipe francesa estariam envolvidos no escândalo, confirmando a versão por escrito.

Na sexta-feira, o time francês reconheceu que o engenheiro Phil Mckareth, ex-membro da McLaren, possuía informações da equipe inglesa.


No entanto, segundo os diretores da Renault, essas informações não teriam sido utilizadas no desenvolvimento do modelo de 2007.


Após as denúncias, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) divulgou que irá discutir o caso na reunião do Conselho Mundial, no dia 6 de dezembro, em Mônaco.


Fonte: Lancepress!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *