F1: Alonso admite que será difícil vencer corridas no ano de retorno à McLaren

Após cinco anos na Ferrari, o espanhol Fernando Alonso encerrou seu vínculo com a Scudería e retornou à McLaren, por onde correu em 2007. Buscando o tricampeonato mundial de Fórmula 1, o piloto acredita que não será tão fácil vencer corridas no ano de estreia pela equipe de Woking.

“Será difícil vencer corridas nesta temporada”, respondeu Alonso a um fã nas redes sociais.

Em 2015, a McLaren retoma a parceria com a Honda, tão vitoriosa na época da dupla Ayrton Senna e Alain Proist. O espanhol terá como companheiro o britânico Jenson Button, que chega a sua sexta temproada na equipe, enquanto o dinamarquês Kevin Magnussen, titular da Woking na última temporada, será o piloto reserva e de testes.

Apesar de não estar confiante em triunfos no ano de retorno, Alonso baixou as expectativas e disse que nos próximos meses pretende apenas “aprender, ajudar, ser feliz e, em longo prazo, vencer”.

McLaren anuncia que Alonso fará estreia oficial do novo carro

A McLaren anunciou que o espanhol será o primeiro a pilotar o MP4-30, carro que marca a volta da parceria com a Honda, nos primeiros testes da pré-temporada, entre os dias 1 e 4 de fevereiro, em Jerez, na Espanha. Alonso guiará o carro nos dias 1 e 3, enquanto Button estará a bordo nos dias 2 e 4. A apresentação oficial do novo carro da McLaren será na próxima quinta-feira, dia 29.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *