F1: Após batida, Massa manda Coulthard não esperar desculpas

O brasileiro Felipe Massa não pretende se desculpar com David Coulthard pelo acidente que tirou o escocês do GP da Austrália de hoje. Na volta 26, o brasileiro da Ferrari tocou o piloto da Red Bull e o mandou para fora da pista.

“Se ele espera que eu me desculpe, melhor ele ir assistir televisão. Eu estava por dentro e não fiz nada de errado”, avaliou Massa.


A batida em Coulthard foi a segunda de Massa no GP da Austrália. Antes, logo na primeira curva, ele perdeu o bico em uma dividida com Heikki Kovalainen, da McLaren, e admitiu que não conseguiu segurar seu carro. “Perdi o controle”, admitiu.


Obrigado a recorrer aos boxes para a troca do bico, retornou na última posição. Logo depois do acidente com o escocês, abandonou a disputa.


No ano passado, Felipe Massa se viu vítima de inúmeros problemas de confiabilidade com sua Ferrari. Após os treinos na Austrália e o quarto lugar no grid contra o 15º do companheiro Kimi Raikkonen, parecia que a má sorte havia mudado de lado. Entretanto, enquanto o brasileiro teve um abandono desastroso, o finlandês ainda pôde comemorar um ponto.


Na próximo final de semana, a Fórmula 1 faz a segunda prova, na Malásia. Até lá são poucos dias para que as equipes se recuperem.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *