F1: Após fracasso de Lopez, governo argentino pode financiar outro piloto na F-1

O argentino Esteban Guerrieri, que disputa a World Series, pode correr na temporada de 2011 da Fórmula 1. O piloto confirmou que já tem um acordo com a Virgin e a única pendência seriam US$ 8 milhões exigidos pela equipe inglesa, que poderiam ser adquiridos junto ao governo da Argentina.

O empresário de Guerrieri, Julio Gutierrez, está negociando com o ministro do Interior, Aníbal Randazzo, para conseguir o financiamento. Vale lembrar que, no começo do ano, patrocinado pela mesma quantia de dinheiro público, José Maria Lopez chegou a ser anunciado pela USF1, mas com o fracasso dos norte-americanos, nem chegou a correr.

“Foi uma boa reunião. O ministro expressou o interesse em nos apoiar para que Esteban possa chegar à Fórmula 1”, festejou Gutierrez.

No momento, o brasileiro Lucas di Grassi e o alemão Timo Glock são os pilotos da Virgin. O ex-piloto da Toyota, porém, é constantemente especulado em uma possível negociação com a Renault, e poderia abrir espaço para Guerrieri.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *