F1: Briatore diz que times não foram consultados sobre mudança

Chefe da Renault, Flavio Briatore revelou que as equipes não foram consultadas a respeito da mudança no sistema de pontuação da Fórmula 1. Recentemente, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA), tentou fazer com que o campeão da temporada fosse o piloto que somar mais vitórias, independente da pontuação, mas a pressão dos times fez a entidade mudar da ideia.

Presidente da FIA, Max Mosley alegou que o detentor dos direitos comerciais da categoria, Bernie Ecclestone, havia dito na reunião do Conselho Mundial que as escuderias eram favoráveis à medida e, por isso, ela foi aprovada.

“Não é verdade que os times foram informados”, comentou o dirigente. “Com Ecclestone, falamos a respeito do sistema de medalhas, mas nunca conversamos sobre o critério aprovado pelo Conselho Mundial”, destacou.

Depois de ver sua proposta de dar medalhas de ouro, prata e bronze rejeitada pelos times, Ecclestone passou a defender ferrenhamente a medida batizada de “tudo para o vencedor”. “O que aconteceu demonstra que, se os times estiverem unidos, as vozes deles serão ouvidas”, afirmou.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *