F1: Briatore não deseja voltar a chefiar equipes

O italiano Flavio Briatore negou a possibilidade de voltar a chefiar uma equipe na Fórmula 1, mesmo após ter o banimento da categoria revisto após uma apelação da decisão da Federação Internacional de Automobilismo (FIA).

Briatore foi punido pelo envolvimento na manipulação do resultado do Grande Prêmio de Cingapura de 2008, quando o brasileiro Nelsinho Piquet bateu propositalmente a Renault que guiava em um muro para favorecer o companheiro Fernando Alonso.

– Foi uma grande vitória para mim na corte francesa. Nunca vou chefiar novamente uma equipe de Fórmula 1 na minha vida, isso é certo, mas eu tenho minha dignidade de volta, o que é importante após 20 anos no esporte – disse Briatore, segundo o “Daily Mirror”.

O italiano ainda afirmou que pretende processar a FIA pelo danos que sofreu por também ter sido proibido de empresariar pilotos.

– Perdemos o Alonso, perdemos o Kovalainen, perdemos diversos pilotos. Vamos processar a FIA pelo dinheiro perdido – revelou, em entrevista ao “Daily Telegraph”.

Fonte: LANCEPRESS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *