F1: Confusão na Toro Rosso entre Speed e Tost

O clima na Toro Rosso entre os pilotos e a direção da equipe já não é bom a tempos, isto é sábido. E pior, pelo menos para o lado do norte-americano Scott Speed depois do GP da Europa, disputado ontem em Nurburgring, na Alemanha.

 


Segundo informações do canal Speed, o norte-americano, depois de aquaplanar, devido ao dilúvio que caiu no autódromo, na 3º volta, indo parar na barreira de pneus, voltou aos pits irritado. Lá encontrou equipe e mecânicos também fulos da vida, pois seu companheiro de equipe, o italiano Vitantonio Liuzzi também acabara de sair da pista, no mesmo local, deixando a equipe sem carros na prova.


Speed e o diretor da equipe, Franz Tost começaram a bater boca, com o piloto dando as costas para o austríaco, que não gostou e partiu para cima de Scott, agarrando-o. Segundos testemunhas o dirigente agrediu o seu piloto. Depois cada um foi para o seu lado.


A tempos o ex-piloto Gerhard Berger, sócio da Toro Rosso, procura pilotos que possam tirar a equipe da rabeira do grid, e tem como seu favorito o tri-campeão da ChmapCar, Sébastien Bourdais.


Isto tem levado aos dois pilotos atuais do time a reclamarem que a equipe não lhes dá apoio. Mas é bom lembrar que tanto Speed quanto Luizzi, sofrendo pressão ou não, tem invariavelmente sofrendo acidentes durante as provas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *