F1: Dono da Caterham pode vender equipe de F-1 nesta semana, diz revista

Após comentar que a “F-1 não havia dado certo”, Tony Fernandes pode vender a equipe de Fórmula 1 da Caterham ainda nesta semana. As informações são da revista britânica Autosport, que prevê que a negociação deve ser feita antes do Grande Prêmio da Inglaterra, marcado para este final de semana.

De acordo com a publicação, a negociação envolverá apenas o time de Fórmula 1, enquanto a Caterham Cars e a equipe da GP2 da marca continuarão sem alterações.

No início do ano, Fernandes já havia sinalizado a chance de deixar a F-1 caso a equipe não apresentasse bons resultados nesta temporada. A ideia ganhou ainda mais força na sexta-feira, quando o empresário publicou a mensagem “A F-1 não deu certo, mas amo a Caterham Cars” em seu Twitter.

O empresário malaio entrou na Fórmula 1 em 2010 com a equipe chamada Lotus. O nome foi mantido por duas temporada, até ele perder uma disputa judicial valendo os direitos do nome e ter que comprar a Caterham Cars. Em 2014, a Caterham disputa sua terceira temporada, porém Fernandes segue sem somar sequer um ponto durante os cinco anos na categoria.

Ainda segundo a revista britânica, o ex-chefe de equipe Colin Kolles havia surgido como principal candidato a negociar a compra do time, porém existem outros três interessados na negociação.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *