F1: Equipes já discutem novo padrão de motor para 2013

Um novo padrão de motor na Fórmula 1 deve começar apenas em 2013, mas a Ferrari já começa a definir sua posição para as mudanças. O executivo da empresa, Amedeo Feliso, quer novas tecnologias e que possam também ir às ruas.

“Se a Fórmula 1 quer desenvolver algo que realmente ajude as condições de direção, então a melhor solução é um motor turbocharged e GDI. É isso o que nós apoiamos”, disse Feliso.
Além do desempenho e da tecnologia, a Fórmula 1 também está preocupada com o meio-ambiente. A configuração do motor atual, o V8, deverá passar por mudanças para reduzir o consumo de combustível.
Enquanto as quatro fornecedoras atuais – Ferrari, Mercedes, Renault e Cosworth – discutem as mudanças, Norbert Haug, dirigente da fábrica alemã, disse que o motor deve ser econômico e pensar no meio-ambiente, mas dentro da realidade esportiva.
“Temos que nos lembrar que estamos construindo os carros mais ecológicos que podemos. Os motores irão ser reduzidos em 2013 porque o consumo de combustível tem que diminuir e nós temos que baixar o nível de emissão de carbono. Mas não podemos pensar que um motor de 700 cavalos será o carro mais ecológico” falou o dirigente da Mercedes.
Fonte: Lancepress!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *