F1: Ericsson continuará na Sauber como terceiro piloto e embaixador

A confirmação de Kimi Räikkönen e Antonio Giovinazzi, como pilotos para a temporada 2019 da equipe Sauber, deixou um ponto de interrogação sobre o futuro de Marcus Ericsson na Fórmula 1. No entanto, essa pergunta foi rapidamente respondida, com a notícia de que ele se tornará o terceiro piloto e um embaixador da marca para a equipe no ano que vem.

Ericsson guiou por cinco temporadas na Fórmula 1, as últimas quatro como piloto da equipe a Sauber, após seu ano de estreia, em 2014, com a Caterham. O sueco marcou, até o momento, 15 pontos, tendo uma oitava colocação no GP da Austrália de 2015 como melhor posição de chegada.

“Sou grato pelos últimos cinco anos da minha carreira que passei correndo na Fórmula 1”, disse Ericsson, após a confirmação de que ele havia perdido seu lugar na Sauber para o retorno de Raikkonen. “Tenho orgulho de ter representado a Sauber por quatro desses anos e por ter corrido para uma marca tão icônica como a Alfa Romeo nesta temporada”.

“Eu adoraria continuar neste caminho, mas ter um piloto como o Kimi Raikkonen a bordo é uma grande oportunidade para toda a equipe. No futuro, continuarei contribuindo para o desenvolvimento da equipe como sempre fiz, com total dedicação e todo o meu apoio”, finalizou o piloto sueco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *