F1: Ex-chefe de motores da Ferrari é contratado pela FIA

Fora da Ferrari desde outubro, Gilles Simon, ex-chefe de motores do time de Maranello, vai trabalhar na Federação Internacional de Automobilismo (FIA) a fim de pesquisar novas formas de energia e tecnologias ambientalmente responsáveis para as corridas de carro.

Simon voltará a trabalhar com Jean Todt, ex-chefe da escuderia e eleito presidente da FIA em outubro. “Estou convencido que precisamos refletir o meio ambiente com novas tecnologias. Temos que adaptar nosso tempo e rever o automobilismo fundamentalmente”, comentou o presidente.

Os trabalhos, entretanto, ainda demorarão pelo menos um ano para apresentarem resultados. “Depois de desisitirmos do KERS, não vamos conseguir nada inovador para o próximo ano. Por isso, decidimos criar um novo grupo de trabalho e Simon vai se unir a nós neste contexto”, explicou Todt.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *