F1: Fernando Alonso indica desejo de retorno à categoria

Fernando Alonso deixou as portas abertas para um possível retorno à Fórmula 1. O espanhol, que deixou as pistas após o prêmio de Abu Dhabi, no ano passado, falou em entrevista ao jornal italiano Corriere della Sera que “ganhar um terceiro título seria a maior alegria”.

“Eu sempre disse que é um ‘até logo’, não um ‘adeus’. Agora tenho novos desafios para enfrentar com as ferramentas certas para vencer, enquanto na Fórmula 1 não havia condições de fazer o mesmo. Eu não tenho planos para 2020. Claro, ganhar um terceiro título seria a maior alegria”, disse.

Em agosto de 2018, o piloto espanhol anunciou sua saída da elite do automobilismo por não ver mais emoção na prática, além da falta de competitividade. No entanto, em entrevista ao periódico no último domingo, o bicampeão mundial indicou que parece ter mudado de ideia.

Atualmente, Alonso disputa o Campeonato Mundial de Endurance (WEC), da FIA. Ele conquistou as 24h de Daytona, no último dia 27 de janeiro, e agora se prepara para defender a vitória nas 24h de Le Mans, para tentar conquistar o Mundial da categoria. Ele também correrá as 500 Milhas de Indianápolis, em maio. Aos 37 anos, ele disse estar longe da aposentadoria e utilizou Schumacher como exemplo.

“(Michael) Schumacher correu até os 43 anos. Se você se sentir forte, não precisa olhar para a sua idade. Você corre até perceber que alguém é mais forte que você. Isso pode ocorrer aos 25 ou aos 48. A idade não tem nada a ver”, finalizou.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *