F1: Fisichella nega que chamou o R27 de desastre

O italiano Giancarlo Fisichella, da Renault, negou na quinta-feira (10/05), que chamou o carro de sua equipe, o R27, de um desastre, em entrevista ao jornal italiano “La Gazzetta dello Sport”.

 


“Esses comentários negativos a respeito da equipe nunca vieram de mim. É claro que a nossa situação no momento é complicada, mas eu nunca demonstraria falta de respeito com o pessoal que está trabalhando duro para resolver nossos problemas”, disse o piloto, aparentando forte irritação.


Mesmo com as inovações no modelo, introduzidas para a etapa espanhola, Fisichella disse que a equipe ainda não vai brigar pelas vitórias.


“Eu já falei que o nosso modelo tem bastante potencial e nós estamos buscando isso, mas não seria nada realista pensar em vitórias agora”, falou o italiano. “Se solucionarmos os defeitos, acredito que será possível para a segunda metade da temporada”, completou.


Em entrevista oficial a Renault desmentiu os boatos e apoiou o piloto, que mostrou serviço ao ser o 2º melhor no segundo treino livre desta sexta-feira (11/05).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *