F1: Gascoyne já admite troca de nome da Lotus Racing

Time de Tony Fernandes briga para continuar usando nome da lendária equipe em 2011

A novela entre a 1Malaysia e o Grupo Lotus ainda não teve fim. A empresa de Tony Fernandes ainda tenta utilizar o nome da lendária equipe em seus carros da próxima temporada.

No entanto, Mike Gascoyne, chefe da Lotus Racing, equipe de Fernandes, já admite que a escuderia malaia terá que trocar de nome na próxima temporada. O mais provável é que o time se chame “1Malaysia Racing”.

– Ao fim, levamos o nome da Lotus de volta à Fórmula 1 e temos feito um grande trabalho. Realmente não entendo porque o Grupo Lotus não quer nos apoiar em fazer esse trabalho para eles. Acreditamos que temos agragado um grande valor à marca, e os empresários investiram cerca de 80 milhões de libras – lamentou.

Especulações apontam que o Grupo Lotus pode comprar parte das ações da Renault e, dessa forma, a equipe passaria a levar o nome de Lotus-Renault, o que complicaria ainda mais a negociação com Tony Fernandes.

Fonte: LANCEPRESS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *