F1: Lewis Hamilton vence GP da Hungria

O britânico Lewis Hamilton (Mercedes) venceu neste domingo (29/07) o GP da Hungria, no Circuito de Hungaroring, em Budapeste, 12ª etapa da temporada. Foi a quinta vitória de Hamilton no ano e 67ª na categoria. O alemão Sebastian Vettel e o finlandês Kimi Raikkonen, parceiros na Ferrari, completaram o pódio.

F1: Lewis Hamilton vence GP da Hungria

Pole-position Hamilton dominou a prova, liderando 56, das 70 voltas disputadas O britânico fez o seu pit stop na 25ª volta, colocando pneus macios. Voltando em segundo, atrás de Vettel. O piloto da Ferrari adiou a parada nos boxes até a 39ª volta, e assim como Raikkonen perdeu tempo nos pits, voltando em terceiro, atrás de Hamilton e Bottas. Raikkonen, que fez a sua segunda parada nos boxes uma volta antes de Vettel, era o quarto.

Hamilton abriu uma confortável vantagem, enquanto Bottas segurava a dupla da Ferrari. Nas voltas finais, com problemas nos pneus traseiros Bottas começou a ser pressionado por Vettel e Raikkonen.

F1: Lewis Hamilton vence GP da Hungria

Vettel foi para cima de Bottas, conseguindo a ultrapassagem na 65ª volta. Contudo na manobra Bottas bateu na traseira da Ferrari, danificando a asa dianteira. Raikkonen aproveitou e também superou o compatriota.

O australiano Daniel Ricciardo (Red Bull), que fazia uma prova de recuperação, depois de alinhar na 12ª posição e perder posições na largada, ao levar um toque do sueco Marcus Ericsson (Sauber), encostou em Bottas. O piloto da Mercedes não deu espaço e os carros se tocaram. Para evitar uma possível punição a Mercedes de deu a ordem para Bottas deixar Ricciardo passar.

F1: Lewis Hamilton vence GP da Hungria

Ricciardo marcou a melhor volta da prova: 1m20s012 (197,115 km/h) na volta 46.

O francês Pierre Gasly (Toro Rosso)  terminou em sexto, seguido pelo dinamarquês Kevin Magnussen (Haas), os espanhóis Fernando Alonso (McLaren), e Carlos Sainz (Renault) e o francês Romain Grosjean (Haas).

Alonso fez 37 anos de idade hoje.

Entre os abandonos o holandês Max Verstappen (Red Bull), com problemas de motor, parou o carro na quinta volta, quando ocupava a quinta posição.

Vandoorne era o nono colocado, quando abandonou com problemas de câmbio na 50ª volta.

O monegasco Charles Leclerc (Sauber) levou um toque logo nas primeiras curvas, e abandonou.

Hamilton lidera com 213 pontos, seguido por Vettel com 189.

A próxima etapa, o GP da Bélgica, acontece no dia 26 de agosto.

F1: Lewis Hamilton vence GP da Hungria

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *