F1: Médicos reduzem sedação para tirar Schumacher de coma, diz rádio

Nesta quarta-feira, exatamente um mês depois de ser internado em coma após sofrer um acidente de esqui na França, Michael Schumacher pode dar os primeiros passos para uma recuperação considerada milagrosa. Isto porque, de acordo com a tradicional rádio francesa RMC, os médicos do Centro Hospitalar Universitário de Grénoble começaram a reduzir a sedação do ex-piloto aos poucos.

A intenção, de acordo com o veículo, é ver como o heptacampeão mundial reagirá com a diminuição dos medicamentes que vêm mantendo-o em coma no último mês. Ainda segundo a rádio, o neurocirurgião Stéphan Chabardes, um dos médicos responsáveis pelo tratamento do almeão, confirmou que Michael está, de fato, em fase de recuperação.

Apesar disto, também nesta quarta-feira, a assessora de imprensa de Schumacher, Sabine Kehm, emitiu um novo comunicado, mas sem atualizar as informações sobre o estado de saúde do germânico. Ela apenas pediu para que as pessoas não acreditassem em palavras que não fossem as oficiais dos médicos que vêm tratando do ex-piloto.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *