F1: Mudança no pneu P Zero duro e os próximos compostos escolhidos

“Depois de avaliar o desempenho dos pneus nas primeiras quatro corridas do ano, tomamos a decisão – após consultar todas as equipes – de alterar o composto duro da Espanha em diante, como fizemos em Barcelona dois anos atrás, quando também introduzimos um novo pneu duro para o resto da temporada”, informou Paul Hembery, diretor de Motorsport da Pirelli.

“Esta última versão do composto duro é muito mais próximo do pneu de 2012, com o objetivo de dar as equipes mais oportunidade de executar uma ampla gama de estratégias em conjunto com os outros compostos, que permanecem inalterados”, concluiu Hembery.

Para a Espanha foram nomeados os pneus P Zero Laranja duro e P Zero Branco médio: os dois compostos mais duros na gama da Pirelli, que irão lidar perfeitamente com as demandas de alta energia do Circuito da Catalunha.

Em Mônaco, o P Zero Amarelo macio e P Zero Vermelho supermacio foram selecionados. Esta é a mesma indicação em vigor para o Principado nos últimos dois anos, o ideal para um circuito de rua estreito e sinuoso.

No Canadá, as equipes terão os pneus P Zero Branco médio e P Zero Vermelho supermacio: dois compostos com uma janela de trabalho mais estreita, que são bem adaptados às baixas temperaturas ambientes e requisitos específicos da pista de Montreal.

As regras estipulam que em circunstâncias normais, cada equipe receberá seis jogos do composto mais duro e cinco jogos do composto mais macio para o fim de semana de corrida.

Para cada corrida, a Pirelli também irá levar os pneus de chuva Cinturato Verde, para condições de pista intermediária (quatro jogos por piloto), e o Cinturato Azul, para chuva forte (três jogos por piloto).
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *