F1: Na defensiva, Williams diz estar “só” 1s5 atrás da Ferrari

O início discreto nos treinos coletivos da Fórmula 1 em Valência não preocupa a Williams. Batida pela Ferrari de Felipe Massa por quatro segundos durante grande parte da manhã desta terça-feira, a equipe apressou-se em se defender apontando que a diferença real para a rival é de “apenas” 1s5.

Até 1h10 antes da pausa para o almoço nesta terça, Rubens Barrichello era o último colocado dos testes com o tempo de 1:15.493, uma eternidade perto da marca de 1:11.722 com a qual Massa liderava a sessão.
Esse cenário obrigou a assessora de imprensa da equipe britânica, Claire Williams, a se mexer através do Twitter. “Não estamos quatro segundos atrás da Ferrari, só 1s5. Vocês não podem dizer com quanto combustível estamos rodando”, afirmou ela.
Na verdade, ao fim da manhã Rubinho realmente reagiu, assumindo a quinta colocação entre sete pilotos que foram à pista ao cravar 1:13.377 na melhor de suas 30 voltas.
Ainda segundo Claire Williams, o brasileiro não teve problemas nesta manhã e se definiu “feliz” com o novo carro. O equipamento estreou na segunda-feira em Valência sob o comando do próprio piloto, que acabou no quinto lugar com 1:15.660. O líder do dia também foi Massa, responsável pelo tempo de 1:13.088.
Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *