F1: Niki Lauda não participará da abertura da temporada em Melbourne

Em recuperação de um procedimento de transplante de pulmão realizado em agosto do ano passado, Niki Lauda não estará presente no Grande Prêmio de abertura da temporada 2019 da Fórmula 1, realizado em Melbourne, na Austrália, dia 17 de março. A confirmação foi dada pelo médico do ex-piloto e revelada por seu irmão, que também confirmou sua participação em algumas provas mais próximas e com viagens mais curtas.

“O Niki (Lauda) está bem. Agora ele precisa fortalecer os músculos, mas a preocupação acabou”, afirmou o irmão Florian à TV austríaca ORF.

“Com multidões sempre existe o risco de infecção, o que pode obrigá-lo a usar uma máscara para protegê-lo. Ele não estará em todas as corridas e, certamente, não vai a Melbourne para o início da temporada. Um voo intercontinental não é o mais recomendado pára ele neste momento”, disse o médico Walter Klepetko.

Depois de ter retornado para a casa a fim de dar prosseguimento ao processo de recuperação, Lauda voltou à Viena por conta de uma gripe. Devido aos cuidados, sua esperada participação nos testes de pré-temporada em Barcelona, na semana passada, não aconteceu e, de acordo com o consultor da Red Bull, Helmut Marko, sua presença na Austrália era difícil de acontecer.

Histórico piloto da Fórmula 1, Lauda completou 70 anos na última semana com uma carreira marcada por um grave acidente e recuperações. Em 1976, por exemplo, o então piloto da Ferrari se acidentou em Nurburgring, na Alemanha, e acabou com parte do corpo queimado. A recuperação, porém, foi surpreendente, e seis semanas depois, em Monza, ele retornou para terminar o GP da Itália na quarta posição.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *