F1: Nova tatuagem de Kimi causa polêmica

A nova tatuagem do finlandês Kimi Raikkonen causou polêmica no paddock do circuito de Sepang, na Malásia. O companheiro de Felipe Massa fez um desenho tribal no braço direito para comemorar a primeira vitória na Ferrari, em Melbourne, na Austrália, mas o gesto teria irritado patrocinadores da equipe.

O piloto, 27 anos, fugiu das perguntas ao ser indagado sobre a tatuagem. “Nada, nada. Vocês saberão mais tarde”, declarou Raikkonen.

O francês Jean Todt, diretor esportivo da Ferrari, escapou das questões de que alguns patrocinadores teriam se irritado com a tatuagem do piloto finlandês.

“Se ele tivesse feito uma tatuagem no rosto, talvez eu teria aconselhado contra. Se um patrocinador ficar insatisfeito com isso, eu prefiro mudar o patrocinador a dizer ao Kimi que ele não pode fazer tatuagem”, completou.

Fonte: Terra
Foto: EFE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *