F1: Para chefe da Red Bull, Vettel é peça-chave na F-1

A maioria dos envolvidos com a Fórmula 1 é unânime em afirmar que Fernando Alonso é fundamental na definição do mercado de pilotos da próxima temporada. No entanto, para o chefe da equipe Red Bull, Dietrich Mateschitz, o piloto Sebastian Vettel também vem exercendo este papel de peça-chave no mercado automobilístico.

Segundo o milionário austríaco, “metade das equipes” da categoria se interessou em contratar o alemão depois do Grande Prêmio da Itália, em que terminou na primeira colocação.


Próximo a ser o comandante oficial de Vettel, já que também tem parte das ações da Toro Rosso, Mateschitz não duvida do potencial do alemão, que se tornou o piloto mais jovem da história da Fórmula 1 a vencer uma corrida, quando surpreendeu a todos com uma exibição irretocável em Monza.


Mateschitz garantiu ainda que a possibilidade de promover Vettel da equipe Toro Rosso para a temporada de 2009 sempre foi sua primeira opção.


“Sebastian nunca pensou em sair da Red Bull. Ele faz parte de nossa família, e nós ficaríamos desapontados se ele tivesse proposto nos deixar”, disse.


Por outro lado, o empresário sabe que essa confiança depositada pelo piloto alemão faz a responsabilidade de sua equipe crescer, tendo em vista a próxima temporada da F-1.


“Ele ganhou o direito de escolher um dos melhores carros em uma das melhores equipes, então somos obrigados a lhe oferecer algo parecido com a Red Bull, e acho que isso será possível. No ano que vem teremos um carro completamente novo e Adrian (Newy, projetista da escuderia) faz nossa probabilidade de ter um carro de ponta aumentar”.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *