F1: Preocupação com o futuro do GP da Bélgica

Entrada de novos países no calendário ameaça prova de Spa

Os organizadores do tradicional Grande Prêmio da Bélgica, em Spa-Francorchamps, estão preocupados com o futuro da etapa no país após o ano de 2012.

Isso porque vários países que estão dispostos a gastar mais para sediar a competição, estão entrando na mira da Bernie Ecclestone, detentor dos direitos comerciais da Fórmula 1.

O porta-voz da competição, Christian Lahaye, explicou que, apesar da boa venda de ingressos para a prova deste ano, a questão financeira preocupa.

– As vendas de ingressos para esse ano estão relativamente boas. Esperamos alcançar a meta de 2007, com 65 mil entradas vendidas, para que possamos alcançar uma posição financeira equilibrada – contou.

De acordo com o jornal belga “De Morgen”, o futuro de Spa depende de o novo Acordo de Concórdia, válido até 2012, expandir o calendário da categoria para 25 provas.

O chefe do circuito da Bélgica acredita que atualmente a procura para abrigar uma competição da principal categoria do automobilismo aumentou e por isso a concorrência está mais difícil.

– Não faltam candidatos para sediar Grande Prêmios – admitiu.    

Fonte: LANCEPRESS! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *