F1: Projetista da Red Bull diz que McLaren só melhorou por copiá-los

Adrian Newey, projetista da equipe Red Bull, afirmou nesta quinta-feira que a McLaren só foi capaz de melhorar seu desempenho às vésperas do primeiro GP do ano, na Austrália, porque copiou o sistema de escape criado por ele na atual campeã de construtores. O inglês ainda revelou que, dia 10, sua equipe poderá correr com o KERS pela primeira vez, na Malásia.

“A McLaren deu um grande passo à frente copiando nosso escapamento. E isso precisa ser dito”, declarou Newey. “Mas a questão principal é que eles ainda dão grandes passos à frente. Tenho certeza que eles nos pressionarão fortemente. Achamos que o escapamento funciona para nós. De certa forma, é lisonjeador, mas seria um pouco doloroso se eles nos vencessem com aquilo”, acrescentou.

A equipe de Lewis Hamilton e Jenson Button estava muito abaixo das expectativas, mas conseguiu o segundo lugar tanto nos treinos classificatórios quanto na primeira corrida, em Melbourne, com Hamilton, além do melhor tempo em um treino livre, com Button.

No último dia 29, a Williams foi quem admitiu copiar o sistema da RBR. O diretor-técnico da escuderia, Sam Michael, disse que quer o novo escapamento para o Grande Prêmio da China, em Xangai, dia 17 de abril.

O projetista ainda contou que a Red Bull tentará correr com o sistema de KERS, que ajuda na largada, no GP da Malásia. Na Austrália, Sebastian Vettel e Mark Webber não usaram o dispositivo, o que deixa o carro mais leve.

“Se sentirmos que é confiável, então tentaremos correr com ele. Teremos que tomar essa decisão na noite de sexta-feira (08). O KERS é benefício na largada, então, mesmo se você estiver na primeira fila, sem ele há o risco de você não ser o primeiro colocado na primeira curva”, analisou.

“Na verdade, foi um problema relativamente trivial, mas o KERS é um sistema complicado. Estamos tentando desenvolvê-lo, o que tem nos trazido um pouco de dificuldades, já que não somos especialistas nesta área”, concluiu.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *